Prefeito e vereadores mirins foram eleitos em Capinópolis pelo projeto ‘Eleitor do Futuro’

Centenas de alunos da rede de ensino escolheram seus candidatos. O projeto ‘Eleitor do Futuro’ tem o objetivo de levar conscientização política aos futuros eleitores e candidatos

Leandro Ualace de Oliveira Filho foi eleito ‘prefeito’ nas eleições mirins realizadas em Capinópolis na última sexta-feira (06) de setembro. O vice-prefeito é Diego Antonio da Silva, ambos do Partido do Folclore.

A Comarca de Capinópolis foi a única do Estado de Minas Gerais a desenvolver o projeto ‘Eleitor do Futuro‘.

O eleitores foram os alunos da rede pública com idades entre 5 e 15 anos. O projeto é realizado pela 302ª Zona Eleitoral em parceria com a Prefeitura local, a Câmara Municipal e a Universidade do Estado de Minas Gerais —campus Ituiutaba.

A votação teve início por volta das 07h30 no Salão de Eventos João Felippe e se estendeu até as 16h30. Vinte urnas eletrônicas foram utilizadas na votação.

As candidaturas haviam sido registradas no dia 23 de agosto e já em clima de campanha eleitoral, os candidatos a prefeito e vereadores foram recebidos na Câmara Municipal de Capinópolis.

Ao todo, quatro candidatos disputaram o cargo de prefeito mirim.

A Usina sucroalcooleira CRV Industrial apoiou o projeto.

Onze candidatos a vereadores foram eleitos. Leandro Alves de Oliveira Filho foi eleito prefeito mirim com 516 votos. Leandro afirmou, durante a diplomação, que no futuro, será o prefeito de Capinópolis.

“Pode escrever em um papel, um dia eu serei o prefeito de Capinópolis”, disse o aluno tomado pela alegria.

Candidatos a vereador e o prefeito eleito durante diplomação
Candidatos a vereador e o prefeito eleito durante diplomação

Juliana Pereira, chefe de Cartório, destacou o crescimento dos alunos durante a campanha.

“Desde a primeira escola que eles fizeram campanha, até a última, a gente percebeu a evolução desses candidatos. Eles montaram um plano de governo e foram divulgando de uma escola para outra. A gente percebeu a evolução no apresentar esse plano de governo. Acho que não só os candidatos, mas também, os eleitores, puderam acompanhar essa discussão, que foi muito produtiva”, disse a chefe do cartório eleitoral.

O Juiz Eleitoral dr. Thales Cazonatto Corrêa, ressaltou o que Capinópolis foi a única Comarca no Estado de Minas Gerais e realizar o projeto.

“Essa é a mensagem que a gente queria passar, que todos podem chegar a um cargo que almeja, desde que trabalhe cedo, desde que faça o compromisso, tenha a vocação e identidade com o cargo. Tenho certeza que esses estudantes vão ser os futuros políticos de Capinópolis. Capinópolis foi a única cidade do Estado de Minas Gerais a realizar esse processo eleitoral simulado, que é o ‘Eleitor do futuro’. Fico feliz por ser o pioneiro do estado no ano de 2019 e triste por outras comarcas que não tiveram a mesma experiência. Gostaria de deixar o meu agradecimento a todo Cartório Eleitoral de Capinópolis — Juliana, Nadson, Maristela, que trabalharam incansavelmente para que essas eleições do futuro fossem realizadas” destacou o juiz.

Antes do início do calendário eleitoral, a equipe da 302ª Zona Eleitoral fez palestras nas escolas, abordando temas como cidadania, função da Justiça Eleitoral e demais conceitos relacionados às eleições. 

Esta é a primeira vez que o projeto ‘Eleitor do Futuro’ está sendo desenvolvido no Triângulo Mineiro. Um projeto análogo já foi executado em Diamantina, em 2014.

Fotos:

Fotos: Gabriel Braga

Tribunal de Justiça de Alagoas

Justiça de AL decide que leilão da Vale e Triálcool não tiveram ilegalidades

Suspeito é apreendido com pedras de crack em Ituiutaba