Jovens levam emoção e esperança à Capinópolis durante DNJ

O Dia Nacional da Juventude foi celebrado neste domingo em Capinópolis e reuniu participantes de quinze cidades da região

Uma multidão de jovens seguiram em procissão rumo ao Parque de Exposições João de Freitas Barbosa (Foto: Gabriel Kazuto)
Uma multidão de jovens seguiram em procissão rumo ao Parque de Exposições João de Freitas Barbosa (Foto: Gabriel Kazuto)

O Dia Nacional da Juventude (DNJ) foi celebrado neste domingo (27) de outubro em Capinópolis, no Triângulo Mineiro. O evento reuniu jovens de quinze cidades da região e foi marcado pela fé, emoção e muita animação.

Assista à reportagem em vídeo:

Vejas todas as fotos do evento.

A missa teve início pela manhã e lotou a Paróquia São Pedro e São Paulo. Dom Frei Irineu Andreassa levou uma mensagem direcionada aos jovens. Religiosos de outras paróquias da região também participaram da missa, que foi embalada por louvores.

Padre Edivan Queiroz, pároco da Igreja Matriz São Pedro e São Paulo, abriu oficialmente o DNJ 2019.

Dom Frei Irineu durante entrevista ao jornalista Paulo Braga, do jornal Tudo Em Dia (Foto: Gabriel Kazuto)
Dom Frei Irineu durante entrevista ao jornalista Paulo Braga, do jornal Tudo Em Dia (Foto: Gabriel Kazuto)

Dom Frei Irineu Andreassa falou à reportagem do Tudo Em Dia e ressaltou a importância do evento. “O DNJ acontece todo ano. É evento da diocese e cada ano acontece numa florânia. É a maneira de ir atingindo toda a diocese, teve em Ipiaçu e no ano passado foi em Itapagipe. É um momento importante de unidade dos jovens. Aqui estão um pouco dos jovens que todos os domingos ou no sábado eles param para rezar, para refletir, analisar a caminhada, as alegrias e os problemas que são próprias dos jovens. Eu sempre coloco … jovem que conhece outro jovem da igreja [forma] um casal diferenciado, por que eles carregam certos valores, certas qualidades que são necessários para o dia de amanhã”, disse o Frei.

A cruz — símbolo cristão—, foi carregada pelos jovens que saíram em procissão.

Religiosos e organizadores do DNJ (Foto: Paulo Braga / Tudo Em Dia)
Religiosos e organizadores do DNJ (Foto: Paulo Braga / Tudo Em Dia)

Uma multidão seguiu em procissão rumo ao Parque João de Freitas Barbosa, no Alvorada. Um trio elétrico com banda ao vivo animou o grupo.

Ainda na nas proximidades da Praça João Moreira de Souza, uma apresentação foi realizada e a energia contagiante do grupo foi sentida por todos.

Grupo fez apresentação nas proximidades da Praça João Moreira de Souza (Foto: Paulo Braga)
Grupo fez apresentação nas proximidades da Praça João Moreira de Souza (Foto: Paulo Braga)
Praça João Moreira de Souza (Foto: Paulo Braga)
Praça João Moreira de Souza (Foto: Paulo Braga)

Segundo o pároco Edivan Queiroz, a realização do evento é um desafio.

“Com certeza tem um desafio, mas a gente organiza por que tem duas dimensões, uma— a gente acredita que Deus providência aquilo que é necessário para a gente realizar a obra Dele, e outra coisa, como ele providência, ele prepara pessoas. Então a nossa paróquia de São Pedro São Paulo, se empenhou para a realização deste evento e a paróquia Nossa Senhora Aparecida nos apoiou. Esta união, com certeza, pôde realizar esta obra como está acontecendo hoje”, disse o padre Edivan.

Chegando ao parque de exposições, muitas atividades levaram a mensagem cristã aos jovens.

Várias atividades foram realizadas no Parque João de Freitas Barbosa (Foto: Paulo Braga)
Várias atividades foram realizadas no Parque João de Freitas Barbosa (Foto: Paulo Braga)

Padre Eduardo Santos, da paróquia Nossa Senhora Aparecida de Ipiaçu, ressaltou que é possível ser jovem, sem deixar de seguir Cristo.

” É uma coisa fascinante o DNJ, já alguns anos nós fazemos o Dia Internacional da Juventude. É um momento de reavivamento, um momento de mostrar para esses jovens, que têm como ser jovem, sem deixar de ser santo, sem deixar de seguir a Cristo. Mostrar que seguir a Cristo é a própria juventude, é o próprio ser jovem. Desde a Bíblia, em todo tempo, a nossa igreja é marcada pela força da juventude. Então o Dia Internacional da Juventude, é uma hora de mostrar para o jovem, que tem como ser cristão, ser jovem, tem como ter uma radicalidade sadia, por Cristo, e continuar alegres com toda espontaneidade do jovem”.

(Dir) Padre Eduardo Santos e Don Frei Ireinei Andreassa (Foto: Paulo Braga)
(Dir) Padre Eduardo Santos e Don Frei Ireinei Andreassa (Foto: Paulo Braga)

Padre Adalberto Nunes, da paróquia Nossa Senhora De Fátima E São Sebastião — de Canápolis— foi um dos organizadores do evento. O religioso ressaltou o desafio de conquistar o jovem e prepará-lo para a obra de Deus.

“Nós sabemos que a juventude hoje ela é desafiadora, o jovem em si, ele é desafiador, por que ele é um mistério, é uma pessoa cheia de surpresa. Agradar o jovem, mas também conseguir atingir o coração do jovem é um desafio. E o DNJ consegue fazer isso, ele atende toda realidade juvenil na nossa diocese, nós estamos com esse evento aqui hoje, mais ou menos 1200 jovens inscritos, então é uma alegria muito grande. A gente trabalha com a dinâmica do louvor, da oração, da espiritualidade, mas a gente também leva formação. É justamente, preparando nosso jovem, não somente para o momento, mas preparar ele para voltar a realidade paroquial dele, e também prepara ele para a vida”, disse o padre que demonstra grande liderança junto aos jovens.

Padre Adalberto demonstra grande liderança junto aos jovens (Foto: Paulo Braga)
Padre Adalberto demonstra grande liderança junto aos jovens (Foto: Paulo Braga)

Vinda de Ipiaçu, Maria Inês, destacou a importância de educar os filhos com princípios cristãos.

“É totalmente transformador, eu já participo do DNJ há três anos, eu comecei a participar por causa dos meus filhos, que são jovens. A minha filha tem 13 anos, e ela participa de um projeto da igreja incrível, ela ama oque faz, ela ama servir a igreja, e é verdadeiramente transformador. Começamos lá em Ipiaçu, o ano passado fomos em Itapagipe, e esse ano Capinópolis, e agora não vamos parar mais. Criar um filho já é muito difícil, e se a gente não criar eles dentro do que Deus pede para nós, fica muito difícil … aí vem as drogas, bebidas, prostituição e quando você leva seu filho para a igreja, quando você está junto dele, tudo se transforma.”

No final da tarde, já no encerramento do evento, uma chuva caiu sobre Capinópolis.

Vejas todas as fotos do evento.

Fotos do DNJ 2019 realizado em Capinópolis

Homem é autuado em mais de R$16 mil por abate de animais silvestres em União de Minas