Autossabotagem – não seja seu maior inimigo

Sabe aquelas situações que você jurou que não voltariam a se repetir, mas vira e mexe acontecem novamente? Você já parou para refletir por que isso acontece? Autossabotagem pode ser a resposta

Autossabotagem (Arte: AIlha.com / Departamento de design Tudo Em Dia)
Autossabotagem (Arte: AIlha.com / Departamento de design Tudo Em Dia)

Muitas vezes somos nós que contribuímos conscientemente ou inconscientemente para que tudo aconteça de errado. Este ato é o que chamamos de autossabotagem ou auto boicote.

A forma como você se coloca diante das dificuldades da vida é extremamente importante para superá-las.

Reclamar de tudo o tempo todo, se achar injustiçado toda vez que algo dá errado são atitudes que contribuem para a manutenção do sofrimento e impossibilitam a resolução dos problemas do nosso cotidiano.

Compreender nossa responsabilidade sobre o que acontece em nossas vidas nos permite mudar e ajustar aquilo que tem dado errado e nos impedido de ser feliz.

Embora a autossabotagem provoque prejuízos, nem sempre a pessoa se dá conta do que está fazendo contra ela mesma e costuma culpar tudo e todos pelo que acontece.

Uma pessoa pode, no decorrer da vida, desenvolver comportamentos repetitivos prejudiciais e passar a responder não de forma circunstancial, mas de um jeito automatizado. Tal aprendizado pode vir, as vezes, da fase infantil, quando a criança é controlada pelo adulto, fortalecendo a inadequação por experiências então adquiridas no decorrer da vida.

O mínimo é o ‘bom’ para você?

Ao aceitarmos o mínimo como bom, passamos então a suportar tudo, mantendo esta repetição sem se atentar a situação, uma vez que já estamos acostumados com isso.

Muitas pessoas resistem ao que é novo, então, continuam com os comportamentos antigos mesmo que tragam tristeza. Outras se acostumaram com a situação de nunca serem felizes de verdade, ao passo que, muitas nem sabem o que é ser feliz.

A velha desculpa

Muitas vezes o auto sabotador repete o comportamento que já conhece para ficar bem, ainda que seja algo negativo. Ele aprendeu de forma errada que é a atitude certa a ser tomada, e neste caso, a desculpa é a resposta pronta para evitar a mudança.

O auto boicote gera um resultado negativo, costumando trazer sentimento de tristeza e desesperança ao auto sabotador.

Estar em harmonia e trabalhar para o crescimento pessoal sempre é possível, desde que a pessoa perceba o que está ocorrendo, e que tal situação é insustentável.

Pessoas que se auto boicotam são obrigadas a se superar para conseguirem vencer na vida. Cada um de nós traz em si mesmo os meios necessários para o seu próprio melhoramento.

É preciso aprender a ser diferente

Todo problema, cada dificuldade, faz com que você cresça e se desenvolva; para melhorar é preciso aprender a ser diferente, abrir a mente para as possibilidades e querer ser feliz.

O auto sabotador precisa reconhecer que cada dificuldade em situações que se repetem é uma oportunidade que a vida lhe proporciona para aprender e agir com postura diferente. Ficar reclamando certamente não adianta, isso só mantém o problema.

Por mais que alguém deseje muito ser feliz, pode sentir dificuldade em se permitir isso.

Buscar a evolução é tarefa pessoal de cada um, e ninguém mais do que a própria pessoa é o responsável pelo crescimento.

É enfrentando os obstáculos que nos tornamos fortes e encontramos em nós a verdadeira força interior, o que não ocorreria se tudo estivesse bem.

Portanto precisamos olhar para as dificuldades como uma oportunidade de crescimento ao invés de nos contentarmos em ficar inertes diante delas.

Leia mais artigos de Daniela Cortes

A posicionamento de colunistas não representa, necessariamente, a opinião do jornal Tudo Em Dia.

Cadastramento escolar em Capinópolis será de 4 a 8 de novembro

Hospital São José (Foto: Divulgação)

Criança de 1 ano morre em hospital de Ituiutaba