‘Capinópolis Prev’ tinha R$ 5, 8 milhões em caixa em 2017; hoje tem R$ 7,9 milhões

Além de compensação recebida do INSS de R$ 908 mil reais, gestor determinou a reforma da sede com a economia de R$58.097,79 em 2017 e 2018

O Instituto Municipal de Previdência – Capinópolis Prev –  Na Administração Cleidimar Zanotto, através da atual gestão, conseguiu economizar mais de R$58 mil reais do limite de 2% estabelecidos para o custeio de gastos administrativos no biênio 2017/2018, devendo atingir mais de R$30 mil reais em 2019, graças a uma gestão responsável, cortando gastos desnecessários.  Lembrando que neste período, o Instituto teve atualizado o valor do aluguel e houve o aumento salarial de servidores.

Com o valor economizado nos dois primeiros anos da gestão, o Capinópolis Prev realizou processo licitatório para reformar sua sede própria, cuja obra já se iniciou, visando assim deixar de pagar mensalmente o aluguel.

A reforma da sede

Na reforma da sede, a empresa vencedora foi contratada por R$57.189,79, devendo realizar a troca de telhado, implantação de acessibilidade com rampa de acesso, implantação de acessibilidade nos banheiros, troca de portas, reparo de rebocos e pintura.

Nas gestões anteriores o Capinópolis Prev gastou além do limite de 2% estabelecidos para o custeio de despesas administrativas, o valor de  R$314.057,56, valor que teve de  ser restituído pelo município através de parcelamento o qual foi dividido em 200 parcelas de R$2.443,64.

Compensação Previdenciária

Há que se destacar que pela primeira vez na história de Capinópolis/MG, a autarquia municipal teve o recebimento de compensação previdenciária. No dia 07 de novembro de 2019, o Capinópolis Prev recebeu o valor de R$908.649,98, depositado em sua conta pelo INSS. Esse valor é relativo à aposentadoria de servidores municipais que antes de trabalhar para o município trabalharam na iniciativa privada e com isso, recebe o total de sua aposentadoria do Instituto Municipal de Previdência, no entanto, a aposentadoria relativa ao período trabalhado na iniciativa privada é paga pelo INSS.

“Na realidade, ninguém nunca se ateve a essa questão. Nós percebemos, corremos atrás, fizemos cursos, nos preparamos e cobramos do INSS essa compensação”,  comemoram o prefeito Cleidimar Zanotto e a gestão do Capinópolis Prev. 

Suspeitos são presos em Centralina com 3,6 kg de maconha

Rua Uberaba está sendo bloquetada no Bairro Paraíso (Foto: Divulgação)

Rua Uberaba, no bairro Paraíso, recebe calçamento em Capinópolis