Após diagnóstico de morte, bebê é encontrado chorando em necrotério

Os pais decidiram transferi-lo para outro hospital, mas a criança morreu na manhã seguinte

Um hospital de Foz do Iguaçu, no Paraná declarou a morte de um bebê de 48 dias. Porém, cinco dias depois ele foi encontrado chorando em um necrotério da cidade. Apesar dos esforços, a criança morreu na segunda-feira (13) após sofrer duas paradas cardíacas.

A mãe do bebê, disse que levou o filho ao hospital pois ele estava sentindo desconforto abdominal e refluxo após ingerir uma fórmula à base de leite em pó, receitada pelo pediatra para ajudá-lo a ganhar peso.

“Ele estava tomando soro no meu colo e de repente começou a chorar muito de dor e apagou no meu colo, parou de respirar”, relatou Gabriela sobre o momento. Depois disso, a equipe médica tentou fazer a reanimação do bebê por 40 minutos, mas acabou declarando a morte por broncoaspiração.

Os pais da criança registraram boletim de ocorrência e a Polícia Civil investiga o caso, que foi registrado no último domingo (12). Algum tempo depois veio a notícia de que o menino estava vivo, pois funcionários do necrotério escutaram o choro dele. Desta forma, os pais decidiram transferi-lo para outro hospital, mas a criança morreu na manhã seguinte.

*Com informações Estado de Minas

‘Selva Mágica’ é uma das atrações de férias do Center Shopping

Cascavel aparece em cela da penitenciária de Uberaba