Venezuelano é suspeito de matar homem de 43 anos em Ituiutaba

Um imigrante venezuelano de 24 anos é suspeito de matar um homem de 43 anos com um golpe de faca em Ituiutaba, no Triângulo Mineiro. O crime ocorreu no último domingo (19), por volta das 19h20, na Rua das Rosas, no Gardênia.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e compareceu ao local, um barracão semiabandonado, que vítima e autor utilizavam como abrigo. Uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência — SAMU— também foi acionado para socorrer a vítima.

Os militares encontraram a vítima caída ao solo já sem vida.

Após o crime, o venezuelano fugiu de bicicleta.

Segundo a PM, a razão do crime seria banal, já que vítima e suspeito costumeiramente eram vistos juntos nas dependências do barracão. Ainda segundo a PM, os envolvidos se desentenderam no domingo e deram início à briga, que terminou com um ferimento fatal.

A assessoria da polícia afirmou que não há dados do autor até o momento, já que o venezuelano não possui familiares e nem amigos na cidade de Ituiutaba.

Crise na Venezuela

O país venezuelano vive uma grave crise política e sobretudo, econômica, há alguns anos. A grave situação tem aumentando a emigração do país. Muitos imigrantes chegam ao Brasil pelo Estado de Roraima.

O país venezuelano é presidido pelo ditador Nicolas Maduro e pelo auto proclamado presidente Juan Guaidó.

Segundo dados oficiais, há cerca de 128 mil venezuelanos que vivem refugiados no Brasil. As informações são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No entanto, suspeita-se que o número de imigrantes seja muito maior.

Após colisão entre motocicletas, condutores ficam feridos em Ituiutaba

PMMA prende três caçadores por posse ilegal de arma de fogo