Gurinhatã dá início ao projeto social ‘Oficina Criança Feliz’

(Foto: Ascom/Divulgação)
(Foto: Ascom/Divulgação)

Crianças com atenção especial no contra turno escolar. Esse é o objetivo das ações da Prefeitura de Gurinhatã e Departamento Municipal de Assistência Social, por intermédio do Centro de Referência de Assistência Social – CRAS, e Centro de Convivência Vânia Guimarães.

Para se ter ideia, depois do período de férias no final do ano e início de 2020, na última semana teve início na Oficina Criança Feliz, o projeto “Diário de Bordo”, onde as crianças receberam um caderno para anotar e dizer todas suas vontades e acontecimentos.

Para os coordenadores, é um meio da professora Cátia Mendes da Oficina Criança Feliz, estar mais próxima com as crianças, melhorando assim o convívio no ambiente, além de melhora no processo e desenvolvimento dos alunos.

Energia acumulada por Itaipu abasteceria o mundo por 43 dias

Bebê de 8 meses é primeira vítima de sarampo no Rio em 20 anos