Novo coronavírus esvazia igrejas e museus de Milão

A cosmopolita cidade de Milão, na Itália, está irreconhecível. Ruas praticamente vazias e museus, igreja e bares fechados como medida de prevenção ao surto epidêmico do novo coronavírus.

O medo instalou-se e os turistas fugiram da cidade. Foram canceladas mais de 40% das reservas nos hotéis.

Mulheres de máscaras fazem compras em um mercado de Milão – FLAVIO LO SCALZO/Reuters/Direitos Reservados

O movimento nos restaurantes desabou. Ainda na Europa, em Portugal não há registro de qualquer caso de infecção pelo novo covid-19.

 

Caso suspeito de coronavírus é monitorado pelo Ministério da Saúde

Coronavírus: 45 passageiros do navio apresentaram sintomas da doença