Projeto ‘Patrulheiro Mirim’ tem apoio de usina em Ituiutaba

Projeto patrulheiro mirim é realizado em Ituiutaba (Foto: Jhonatan Matheus)
Projeto patrulheiro mirim é realizado em Ituiutaba (Foto: Jhonatan Matheus)

Mais de 60 crianças de Ituiutaba-MG, ingressaram, no dia 10 de fevereiro, no Projeto Patrulheiro Mirim.  Com o início das aulas nascem novas oportunidades para meninos e meninas, que muitas vezes vivem uma realidade de vulnerabilidade social, que influencia no desempenho escolar e compromete o futuro delas como cidadãs. Para estimular as crianças deste Projeto, que é idealizado pela Polícia Militar da cidade, a Companhia Mineira de Açúcar e Álcool (CMAA), realizou no início do mês, a doação de kits de material escolar para as crianças participantes do projeto.

Para o gerente administrativo da CMAA, Geraldo Magela, apoiar projetos cuja a temática trabalhe com a transformação social é um dos objetivos da empresa. “Desde 2018, a CMAA apoia o Patrulheiro Mirim. Nós acreditamos na importância de projetos extracurriculares para construção de valores sólidos, que ajudem a preparar as crianças para os desafios futuros”, afirma Geraldo.

O Projeto tem como objetivo complementar a educação básica das crianças de 8 a 12 anos, que moram nos bairros próximos ao projeto. Segundo o Tenente Edinaldo Garcia Medeiros, responsável pelo projeto, o kit é de grande serventia para as crianças. “Sem esse kit elas não teriam condições de comprar e isso, prejudicaria o desempenho e conhecimento deles”, explica o tenente.

Nos últimos anos, a PM tem recebido um apoio importante da sociedade civil, que colabora com doações de materiais escolares, uniformes e lanches para os pequenos. Para as turmas de patrulheiros 2020 a CMAA doou um kit escolar personalizado contendo: estojo, lápis de cor, caderno, lápis de escrever, borracha, apontador e mochila.

30% das crianças atendidas pelo Projeto são indicadas pelo Ministério Público, Conselho Tutelar e outras Entidades. O projeto oferece reforço escolar, educação contra drogas, educação no trânsito, educação ambiental, conhecimento básico de direito e cidadania, educação artísticas, artes cênicas, capoeira, entre outras atividades.

Universidade no Mato Grosso desenvolve drone para semear florestas

Militares e servidores aposentados devem começar no INSS em abril