GP da Austrália é cancelado por caso de coronavírus

A Federação Internacional de Automobilismo (Fia, na sigla em francês) anunciou nesta quinta o cancelamento do Grande Prêmio da Austrália de Fórmula 1, programado para acontecer no próximo domingo (15).

Segundo a FIA, a decisão foi tomada “após a confirmação de que um membro da McLaren Racing Team deu positivo para o COVID-19 e a decisão da equipe de se retirar do Grande Prêmio da Austrália”.

Com isso, “a FIA e a Fórmula 1 convocaram uma reunião dos outros nove diretores da equipe”.

No decorrer da conversa, os participantes “concluíram com uma visão majoritária das equipes de que a corrida não deve prosseguir. A FIA e a Fórmula 1, com o apoio total da Australian Grand Prix Corporation (AGPC), portanto, decidiram que todas as atividades da Fórmula 1 para o Grande Prêmio da Austrália são canceladas”.

Covid-19: resultado de teste em Bolsonaro deve sair nas próximas horas

Novo coronavírus: governo antecipa pagamento do 13º para aposentados