Unesp determina quarentena de alunos e funcionários vindos do exterior

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) determinou hoje (12) que todos os seus alunos e funcionários provenientes do exterior deverão ficar afastados, por 14 dias, do ambiente universitário. As atividades administrativas e acadêmicas nas unidades, no entanto, serão mantidas. De acordo com a instituição, não há, até o momento, nenhuma pessoa com infecção confirmada de Covid-19 na universidade.

A Unesp definiu ainda que as pessoas com sintomas respiratórios, como tosse, coriza, dor de garganta, congestão nasal, falta de ar ou febre, não deverão frequentar os recintos da universidade. “Todas as reuniões presenciais devem ser evitadas, priorizando-se os encontros por sistemas de videoconferência e outras ferramentas para comunicação a distância”, destacou em nota.

A instituição ainda determinou que os eventos da universidade na cidade de São Paulo deverão ser evitados nas próximas semanas, remarcados para outro município ou adiados.

Conmebol suspende jogos da Libertadores que seriam na próxima semana

Desemprego afeta 29,5% de quem se formou há até 3 anos, diz pesquisa