Número de desabrigados pela chuva no Guarujá cai de 162 para 121

A Defesa Civil do Estado de São Paulo informou, no início da manhã deste sábado (14), que 121 pessoas ainda estão desabrigadas no Guarujá, após as fortes chuvas que atingiram a região no início do mês. De acordo com balanço divulgado pelo órgão, na sexta-feira, estavam nessa condição 162 pessoas, que tiveram a habitação afetada por dano ou sob ameaça de dano.

Em Santos, há  226 pessoas desabrigadas. O número permaneceu inalterado, como também o de mortes registradas em ambos os municípios: 33 no Guarujá, onde uma pessoa está desaparecida, e oito em Santos.

No município de São Vicente, também não houve novas notificações de morte, segundo o boletim atualizado hoje. Em São Vicente, foram três mortes.

Em nota, a Defesa Civil informa que mantém equipes mobilizadas para encontrar a pessoa desaparecida e que tenta localizá-la por meio do cruzamento de informações das prefeituras com o banco de dados do e-SUS, base de dados do Sistema Único de Saúde (SUS), que já possibilitou descobrir o paradeiro de oito pessoas e resgatá-las com vida. As buscas se concentram atualmente na Barreira João Guarda, onde a pessoa desaparecida residia.

Outra medida tomada pelo órgão foi a instalação de um gabinete de crise na região. Além disso, funcionários do Instituto Geológico e do Instituto de Pesquisas Tecnológicas auxiliam a Defesa Civil nas buscas, compartilhando avaliações sobre as áreas afetadas e monitoramento de risco dos locais por onde circulam.

“Foram disponibilizadas 35,5 toneladas de materiais de ajuda humanitária aos municípios afetados, sendo: 18,1 toneladas de colchões, cobertores, cestas básicas, roupas, água sanitária, kits de limpeza, kits de higiene e água potável para o depósito do Fundo Social de Santos; 14,5 toneladas de colchões, kits de higiene, vestuário e limpeza, cestas básicas, água potável e fita de isolamento) a Guarujá; 2,9 toneladas de colchões, cestas básicas, kits de higiene e de limpeza e vestuário a Peruíbe”, acrescenta a nota.

Para este sábado, a Defesa Civil informa que a previsão é de calor em todo o estado e de pancadas isoladas de chuva na parte norte, leste (incluindo a região da Baixada Santista) e centro-leste, devido à umidade. “Essas pancadas poderão vir com forte intensidade e acompanhadas de rajadas de vento e descargas elétricas. Nas demais regiões, o tempo seco e a baixa umidade do ar predominam. O volume de chuva previsto para Guarujá é de 3 milímetros”, finaliza.

Em quarentena, Nestor Forster tem resultado positivo para o Covid-19

Butantan suspende visita a museus por causa do coronavírus