Em 24 horas, Uberlândia confirma quase 40 novos casos de Covid-19

Até esta quinta-feira (20.maio.2020), a maior cidade do Triângulo Mineiro registra 530 casos confirmados de infecção pelo Sars-Cov 2, causador da Covid-19

Uberlândia, a maior cidade do Triângulo Mineiro confirmou 39 casos de infecção pelo Sars-Cov 2, causador da Covid-19, em 24 horas. O município já registra 530 casos confirmados e 14 mortes em decorrência da doença.

Segundo o boletim da Secretaria de Saúde de Uberlândia, cerca de 87% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) estão ocupados. O crescente número de casos pode colapsar o sistema de saúde da cidade.

De 14 de abril à 20 de maio, a cidade já teve 399 altas médicas relacionadas à Covid-19.

Uberlândia é a cidade pólo do Triângulo Mineiro e a curva vertical de infecções pode espalhar os casos de Covid-19 em cidades da região que apresentam níveis estáveis.

Pontal do Triângulo Mineiro

Ituiutaba já confirmou 8 casos de Covid-19. Cachoeira Dourada já registra dois casos; Capinópolis já confirmou 1 caso de contaminação e Ipiaçu e Centralina já contabilizaram uma morte cada por complicações da Covid-19.

Com a Pandemia, Santa Vitória deixou de arrecadar mais de 4 milhões de reais apenas no mês de abril. As informações são da prefeitura municipal.

O Imposto Sobre Circulação de Mercadoria e Serviços – ICMS – apresentou maior queda na arrecadação, um valor bastante significativo, o que representa 70% de todas as receitas arrecadadas pelo Município de Santa Vitória.

Minas Gerais

No mesmo dia em que Minas Gerais alcançou um recorde de mortes e casos de Covid-19 em 24 horas, com 309 contaminados e dez óbitos no período. Um bebê de 18 meses veio a óbito com suspeita de contaminação pela doença.

O Estado de Minas ranqueia no 11º lugar em número de casos confirmados do novo coronavírus e em 12º lugar em se tratando das mortes por Covid-19. No entanto, para especialistas, o baixo número é oriundo da subnotificação, que apresenta elevados índices.

A cada 100 mil mineiros, 78 são testados — apenas três a mais do que no Estado do Rio de Janeiro. O Rio ocupa o último lugar no número de habitantes testados.

Minas Gerais tem cerca de 101 mil casos suspeitos da doença, no entanto, apenas 16.571 foram testados na rede pública, o que corresponde a 16,4% do total de casos.

Dupla é detida por porte ilegal de arma em Capinópolis e Cachoeira Dourada

Cinegrafista da Tv Integração é agredido por empresário