Câmara de Capinópolis aprova moção ao sr. Luiz Humberto Alvarenga

Filho do ex-prefeito Antônio Teodoro de Alvarenga, Luiz Humberto Alvarenga teve uma atuação intensa na vida política nas décadas de 70 e 80, no entanto, ficou mais conhecido pelo trabalho como comunicador

Câmara Municipal de Capinópolis | Foto: Gabriel Kazuto
Câmara Municipal de Capinópolis | Foto: Gabriel Kazuto

A Câmara Municipal de Capinópolis aprovou uma moção de congratulações ao comunicador Luiz Humberto Alvarenga, em reconhecimento aos 45 anos de profissão.

A moção, de autoria do vereador Caetano Neto da Luz, foi aprovada na noite desta segunda-feira (25.maio.2020), durante a sessão ordinária.

A homenagem é um reconhecimento público ao profissional da comunicação pelas quase cinco décadas de atuação como locutor, radialista e empresário do setor de propaganda e publicidade.

Filho do ex-prefeito Antônio Teodoro de Alvarenga, Luiz Humberto Alvarenga, além de um dos maiores comunicadores de Capinópolis e região, teve uma intensa atualização política nas décadas de 70 e 80.

“Nós ficamos honrados em fazer esta singela homenagem a uma pessoa querida, ilustre, que muito contribuiu e ainda contribui para a comunicação na nossa cidade”, disse o vereador Caetano Neto, em referência ao homenageado.

Devido a pandemia de Covid-19, a Câmara Municipal não realizou nenhuma evento de moção em 2020. No ano passado, várias personalidades de Capinópolis foram homenageadas pelo Legislativo capinopolense.

O senhor Luiz Humberto foi homenageado pelo Tudo Em Dia em 2018. Reveja:

Matérias aprovadas na sessão ordinária

Indicação N°. 99/2020 – Bernaldo Evaristo Cabral – Construir redutor de velocidade na Av. 123, bairro Alvorada II e III, no intervalo na altura do número 186 e 298 entre às ruas Jerônimo Maximiano e Orcalino Custodio Pereira (Alvorada III) e entre às ruas 110 e rua 116 (Alvorada II).

Justificativa – É grande o número de veículos que trafegam na Av. 123, e muitos deles usam impulsionam uma velocidade excessiva, quem vem trazendo insegurança aos moradores e transeuntes.

Indicação N°. 100/2020 – Bernaldo Evaristo Cabral – Construir redutor de velocidade na Av. Eurípedes Parreira da Silva, na altura do número 120, bairro Recanto das Acácias.

Justificativas – É grande o número de veículos que ali trafegam, e muitos deles usam impulsionarem uma velocidade excessiva, quem vem trazendo insegurança aos moradores e transeuntes.

Indicação N°. 101/2020 – Caetano Neto da Luz/ Luciano Batista Belchior/Daniel Alves França/Neide Aparecida Martins Souto – Implantar barreiras sanitárias ao redor do perímetro urbano de Capinópolis, como anteriormente, uma vez que temos visto a ocorrência casos de COVID-19 em cidades circunvizinhas, sendo que o atendimento a esta proposição, em muito contribuiria com a saúde dos cidadãos Capinopolenses, prevenindo os aparecimentos de casos desta enfermidade em nosso município.

Em março de 2020, as barreiras sanitárias chegaram a ser implementadas em Capinópolis | Foto: Paulo Braga
Em março de 2020, as barreiras sanitárias chegaram a ser implementadas em Capinópolis | Foto: Paulo Braga

Indicação N°. 103/2020 – Gilvan Alves Gama – Fazer sinalização horizontal em toda extensão da Avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira, em frente ao Parque de Exposição João de Freitas Barbosa, bem como colocar em seu eixo central, demarcação “tartarugas”, impedindo, assim, contornos e direção perigosa na referida pista.

Justificativa – Temos ali uma pista muito larga, a sinalização virá orientar melhor os motoristas, embelezar urbanisticamente a pista e também impedir os chamados “rachas” de veículos e motocicletas, o que, segundo moradores, já estão acontecendo.

Juscelino Kubitschek de Oliveira no bairro Alvorada | Foto: Paulo Braga
Juscelino Kubitschek de Oliveira no bairro Alvorada | Foto: Paulo Braga

A Avenida Juscelino Kubitschek (JK), no Bairro Alvorada, recebeu recapeamento asfáltico recentemente. A importante avenida dá acesso ao Parque de Exposições João de Freitas Barbosa. Um trecho da Avenida 122 também está foi recapeada.

Comunidades pesqueiras do Amapá enfrentam condições precárias devido à pandemia, revela estudo

Dia mundial sem tabaco. Veja a programação