PRF/GO apreende carreta avaliada em meio milhão com madeira ilegal na BR-153

Carreta estava carregada com seis metros cúbicos de madeira ilegal | Foto: PRF/GO

A Polícia Rodoviária Federal de Goiás —PRF/GO— apreendeu seis metros cúbicos de madeira ilegal na BR-153, em Morrinhos, na região sul de Goiás no início da noite da última sexta-feira (19.jun.2020).

Por volta das 19h policiais rodoviários federais pararam um bitrem na unidade de Morrinhos e o condutor, que estava acompanhado do filho menor, disse que as carretas estavam vazias, visto que ele já havia feito a entrega da carga de madeira no estado de Minas Gerais e seguia para Anápolis.

Mas quando os policiais verificaram uma das carretas, encontraram pouco mais de seis m³ das espécies Angelim Pedra e Cumaru, consideradas madeiras nobres. Questionado sobre a documentação fiscal e ambiental, obrigatórias para esse tipo de transporte, o motorista disse que não possuía. Ao perceber que os policiais fariam a busca na cabine, o homem rasgou uma Guia Florestal e tentou esconder na bermuda.

A guia era falsa e ele tentava destruir prova que o vinculasse com a empresa que constava na guia, conhecida no estado do Pará por envolvimento em extração ilegal de madeira e falsificação de documentação ambiental.

Ele deverá responder na Justiça por crime ambiental e poderá perder o veículo, avaliado em cerca de R$ 500 mil. O caminhão com a carga está retido no pátio da PRF aguardando o IBAMA, responsável por aplicar as penalidades cabíveis, dentre elas, o perdimento do autocarga.

Emater faz cessão de equipamentos à Secretaria de Agricultura de Capinópolis

Com 35 casos de Covid-19 confirmados em Capinópolis, decreto mais rígido é publicado