Cateto é resgatado no Gravatás em Uberlândia

Cateto foi apreendido | Foto: PMMA
Cateto foi apreendido | Foto: PMMA

Uberlândia, Minas Gerais — Após requisição de moradores foi recolhido na rua Roberta Milena Cunha na altura do número 182 bairro Gravatás um animal da fauna silvestre brasileira da espécie “cateto” o animal deu muito trabalho pois é muito veloz e extremamente feroz, porem com a ajuda dos moradores e a técnica dos policiais ambientais foi possível fazer a captura com segurança.

Diante do fato como o animal estava com ferimentos nas patas foi encaminhado ao hospital veterinário da Universidade Federal de Uberlândia.

O cateto, ou caititu, também é chamado de porco-do-mato devido à sua aparente semelhança com os javalis. No entanto, várias características anatômicas o tornam diferente, tais como: a presença de uma glândula odorífera na região dorsal e de uma cauda vestigial de 15 a 55 mm; o osso da perna fundido ao do pé, que resulta em três dígitos na pata posterior, o fígado reduzido, a ausência de vesícula biliar.

A presença desse tipo de estômago permite que os caititus se alimentem de itens diversos, incluindo alimentos fibrosos, sobras de legumes, frutos e pequenos vertebrados. Dentre as três espécies de pecaris existentes, os caititus são os de menor porte. Quando adultos, medem de 75 a 100 cm de comprimento e aproximadamente 45 cm de altura. O peso varia de 14 a 30 kg.

A espécie apresenta uma cauda vestigial e um focinho alongado com disco móvel terminal, patas curtas e delgadas e pés pequenos proporcionalmente ao resto do corpo.

Vaca caiu em grota e teve de ser resgatada pelos Bombeiros | Fotos: Bombeiros

Bombeiros resgatam vaca que caiu em grota em Ituiutaba

Corpo de homem nu é encontrado em vala próximo à Uberaba