Quatro suspeitos são presos com mais de 470KG de maconha em Uberaba

(Imagem: Polícia Militar/Divulgação)
(Imagem: Polícia Militar/Divulgação)

Uberaba, Minas Gerais. Três homens e uma mulher, entre 21 e 33 anos, foram presos na tarde desta quinta-feira, 10, suspeitos de comercializarem drogas para traficantes menores em Uberaba. Eles foram encontrados no Bairro Parque São Geraldo após a Polícia Militar (PM) receber uma denúncia. Mais de 470 quilos de maconha foram apreendidos.

Durante patrulhamento de rotina, uma guarnição foi abordada por um cidadão que preferiu não se identificar. Ele contou que três traficantes de drogas receberiam uma grande carga de entorpecentes para revender na cidade. Em posse das informações, policiais montaram uma operação e foram até a casa de um dos suspeitos de chefiar a quadrilha. O homem estava em um veículo na porta de casa. Ao perceber a aproximação da viatura, o rapaz tentou fugir em alta velocidade, mas foi alcançado e abordado junto com os outros alvos da denúncia.

No veículo, militares apreenderam cinco buchas de maconha. Já os suspeitos estavam com R$773 em dinheiro no total. Inicialmente, o trio negou envolvimento com os entorpecentes encontrados. Eles tentaram explicar a situação, mas entraram em contradição e acabaram sendo presos.

O suspeito que fugiu da primeira tentativa de abordagem foi informado das denúncias e negou envolvimento com o tráfico. Ao ser questionado sobre o endereço em que reside, ele passou o da mãe. Os policiais já sabiam a casa em que o homem realmente mora e foram até o local. A esposa dele liberou a entrada da guarnição. Ela foi questionada sobre a possível existência de materiais ilícitos na casa e a mesma afirmou ser usuária de drogas. A mulher entregou aos agentes uma porção de maconha que tinha guardado no rack da sala. Nesse momento, a PM decidiu acionar a equipe de Rondas Ostensivas Com Cães (ROCCA). Ao saber disso, a suspeita confessou que o companheiro tinha escondido drogas dentro de um computador. Policiais abriram o aparelho e encontraram um tablete pesando 835 gramas de maconha, dois tabletes de 488 gramas, duas embalagens com cocaína e ácido bórico, uma pedra de crack de 10 gramas, uma faca, sacos para embalar entorpecentes, um molho de chaves e R$156 em dinheiro. Assim como o marido, a mulher também foi presa em flagrante. A equipe de cães da polícia esteve no local, mas não encontrou outros materiais ilícitos.

A denúncia informou que a maioria das drogas estavam escondidas em um galpão pertencente a um dos suspeitos. A mulher informou que uma das chaves encontradas na casa abre o imóvel. Policiais foram até o local acompanhados dos suspeitos e duas testemunhas. No galpão, foram encontrados 655 tabletes de maconha pesando 672 quilos.

O dono do imóvel confessou propriedade dos materiais apreendidos. Ele contou que cada quilo de entorpecentes seria revendido para traficantes menores por R$1100 em Uberaba e região. O homem disse também que já tinha vendido 20 quilos de drogas, mas não informou para quem. A mulher confessou que sabia que o companheiro comercializava materiais ilícitos. Os outros suspeitos permaneceram em silêncio.

O quarteto foi preso em flagrante por suspeita de tráfico de drogas. Os homens e a mulher foram levados para Delegacia de Polícia Civil, juntamente com o material apreendido.

O veículo em que o trio estava foi apreendido e removido para um pátio credenciado da polícia. Também foi constatado que o dono do galpão, que estava dirigindo o carro, não possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

blank

PF investiga desvio de verbas da saúde para combater a Covid-19 em Divinópolis e outras cidades

blank

Saiba como identificar e agir diante de pessoas tóxicas