in ,

PM apreende material de construção e identifica estelionatário em Ituiutaba

A mercadoria foi enviada de uma loja na cidade de Pato Branco, no Paraná. O estelionatário foi contatado e identificado, mas segundo a PMMG, não foi localizado

blank
Carga foi apreendida pelos policiais militares | Foto: PMMG/ Divulgação

Atualizado às 17h37: Correção da data do fato: 12.jan.2021

Ituiutaba, Minas Gerais. A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) apreendeu duas cargas de material de construção, adquiridos de forma ilícita. A apreensão ocorreu na terça-feira (12.jan.2021), no bairro Tupã, em Ituiutaba.

A PMMG recebeu informações anônimas, que apontavam o golpe. Segundo a denúncia, estaria chegando na cidade um caminhão carregado de materiais de construção civil produto de estelionato. Os policiais realizaram a abordagem de um caminhão vindo de Pato Branco, Paraná, carregado de cerâmica, quando descarregava em um lote baldio.

Apesar de constar uma nota fiscal verdadeira e da loja confirmar o pagamento do material, os militares desconfiaram pois o nome na nota fiscal é de um senhor gaúcho e a pessoa que se passava por ele tem o sotaque mineiro. O contato foi feito por telefone.

Após várias ligações foi possível localizar a vítima que reside em Nova Petrópolis, Rio Grande do Sul, o qual confirmou não ter realizado a compra.

Durante as diligências os policiais localizaram mais um caminhão vindo de Guaiçara, São Paulo, carregado de argamassa e tijolos, cuja compra foi feita em nome de outra vítima, dessa vez de Palhoça, Santa Catarina. Segundo a PMMG, o estelionatário utilizou o mesmo modus operandi para realizar o golpe.

Segundo a PMMG, as duas cargas estão avaliadas em cerca de R$56 mil.

A carga dos dois caminhões foi apreendida e um dos autores do estelionato foi identificado, no entanto, não foi localizado.

Segunda carga de material também foi apreendida | Foto: PMMG/Divulgação
Segunda carga de material também foi apreendida | Foto: PMMG/Divulgação