Aceso o alerta de risco de surto de dengue em Capinópolis

A população tem papel fundamental na eliminação dos focos da dengue. A prevenção é essencial para garantir a saúde da família e dos vizinhos

Marilane Vilela, educadora em saúde | Foto: Arquivo Tudo Em Dia
Marilane Vilela, educadora em saúde do Município de Capinópolis | Foto: Arquivo Tudo Em Dia

Capinópolis, Minas Gerais. O setor de controle de endemias de Capinópolis acendeu o alerta para o alto risco de surto de dengue no município. A preocupação é redobrada, visto que a pandemia de Covid-19 vem saturando os sistemas de saúde público e privado.

Ao Tudo Em Dia, a educadora em saúde Marilane Vilela apontou que foram registrados focos do Aedes aegypti em 15 bairros de Capinópolis. O Setor Primitivo, Centro da cidade e a Chácara do Neguta foram onde os focos do mosquito foram encontrados com maior frequência. Os dados são do Levantamento de Índices Rápido do Aedes aegypti (LIRAa), realizado neste mês de janeiro de 2021.

Segundo Marilane Vilela, a Organização Mundial da Saúde prevê tolerância de um índice de 1% de focos de dengue, diante do número de residências de cada município. “Estou aqui para fazer um alerta à população. Capinópolis tem registrado um alto índice de focos de dengue, com isso, aumenta o risco de surto de dengue. O índice tolerável é de 1% e Capinópolis registrou 4,9% no levantamento. Caso ocorra um surto, o sistema de saúde pode ficar ainda mais sobrecarregado”, disse a educadora.

Os maiores focos de larvas do Aedes aegypti foram encontrados em bebedores de animais domésticos, tambores de água, vasos de plantas, vaso sanitário em desuso e pneus descartados incorretamente.

“O descarte incorreto de lixo nos quintais e terrenos baldios tem ajudado na proliferação do mosquito Aedes Aegypti“.

Cabe ressaltar que o Aedes Aegypti também transmite a Chikungunya.

Devido à pandemia de Covid-19, as ações de conscientização nas escolas foram fortemente impactadas, no entanto, o setor buscar levar vídeos com orientações pelas redes sociais. Confira:

Saiba quais são os principais sintomas da dengue:

  • Febre alta maior que 38.5ºC.
  • Dores musculares intensas.
  • Dor ao movimentar os olhos.
  • Mal estar.
  • Falta de apetite.
  • Dor de cabeça.
  • Manchas vermelhas no corpo.
  • Em alguns casos — náuseas e vômitos.

Prevenção

A melhor forma de prevenção da dengue é evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, eliminando água armazenada que podem se tornar possíveis criadouros, como em vasos de plantas, pneus, garrafas pláticas, piscinas sem uso e sem manutenção, e até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafas.