Comércio em Ituiutaba não poderá funcionar aos domingos (foto: Reprodução/Wikipedia)
in

Prefeitura de Ituiutaba contrata mais 2 leitos de UTI e 6 de enfermaria

Ituiutaba, cidade que também é referência para outros oito municípios da microrregião do Pontal Mineiro, atingiu neste sábado (6) um momento bastante complexo no que se refere ao atendimento hospitalar. Mais cedo, todos os leitos para o tratamento de pacientes graves, acometidos com o coronavírus, estavam ocupados. Na região também não existem cidades com leitos de UTI disponíveis para o recebimento de pacientes de outros municípios em casos de esgotamento de tais unidades hospitalares específicas.

A prefeita Leandra se reuniu com a secretária de Saúde, Sandra Barbosa e com a procuradora do Município, Jéssica Faria para tratativa da situação de emergência. Em primeira ação, a chefe da pasta da Saúde informou ter conseguido novos dois respiradores, sendo que um deles já está em processo de montagem no Hospital São Joaquim e será disponibilizado para uso ainda neste sábado. Sandra também informou à chefe do Executivo que está em análise a possibilidade de colocar em funcionamento o outro equipamento.

A prefeita autorizou ainda a contratação, através da Secretaria de Saúde, de mais seis leitos de Enfermaria no Hospital Nossa Senhora d’Abadia. Com isso, Ituiutaba passa de 18 para 24 leitos clínicos para pacientes da Covid-19.

Os membros do Comitê Externo de Enfrentamento ao Novo Coronavírus convocaram reunião extraordinária para a próxima segunda-feira, às 8h, com expectativa de envio de ata com sugestões de medidas ao Poder Executivo logo em seguida.

A análise das medidas sugeridas pelo Comitê deverá ocorrer logo nas primeiras horas após o recebimento do documento, sendo que um novo decreto poderá ser publicado ainda na segunda-feira, diante do cenário de agravamento da crise sanitária.

Em Ituiutaba estavam hospitalizados hoje 22 pacientes em UTIs Covid-19, considerados graves, e outros 18 estavam nas alas clínicas dos hospitais, com sintomas leves. Conforme o Boletim Epidemiológico, 364 casos da doença estavam ativos.