Morador em situação de rua morre ao ser atingido por tiros em Uberlândia

Digiqole Ad

Uberlândia, Minas Gerais. Um morador em situação de rua morreu na noite do último domingo (7.mar.2021), após ser atingido por disparos de arma de fogo. O crime ocorreu no Taiaman. A vítima dos disparos fatais morava embaixo da ponte do Rio Uberabinha, na companhia de outro homem, que também foi atingido.

O segundo homem alvejado pelos disparos de arma de fogo foi encaminhado ao Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU).

Informações anônimas apontavam que um homem estava todo ensanguentado pedindo por socorro na rua Níquel, próximo a ponte que divide os bairros São José e Dona Zulmira. Ao chegarem ao local, os militares constataram que a vítima havia sido atingida por três disparos, sendo um na face e dois nas costas.

Quase simultaneamente, a Polícia Militar de Minas Gerais foi informava sobre outro homem que estava caído às margens do Rio Uberabinha. Ao se deslocarem até o local, as autoridades foram informadas por uma  equipe do Corpo de Bombeiros que a vítima também havia sido alvejada por tiros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Os militares foram até o hospital e conversaram com o sobrevivente. O homem afirmou que ele e a outra vítima estavam em baixo da ponte, quando dois indivíduos foram para lá e disseram que estavam se escondendo da polícia.

Ainda de acordo com a vítima, o colega não aceitou a situação e pegou um facão para ameaçar os indivíduos, que saíram correndo. Cerca de 30 minutos depois, os autores voltaram armados e dispararam contra as vítimas.

Até o encerramento desta edição, ninguém havia sido preso.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Central de Jornalismo

https://www.tudoemdia.com

Leia também

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida