Surfe: Brasil tem bom início na 2ª etapa do Circuito Mundial

O Brasil começou muito bem a disputa da segunda etapa do Circuito Mundial de Surfe, realizada na praia de Merewether, em Newcastle (Austrália). Dos 11 surfistas do país que iniciaram a competição, nove garantiram a passagem direta da primeira para a terceira fase.

Seis brasileiros venceram suas baterias e garantiram a vaga na terceira fase: o atual campeão mundial Ítalo Ferreira, Filipe Toledo, Deivid Silva, Miguel Pupo, Peterson Crisanto e Caio Ibelli. Também garantiram a classificação, mas como segundos colocados, o bicampeão mundial Gabriel Medina, Yago Dora e Alex Ribeiro.

Já o campeão mundial Adriano de Souza (que disputa sua última temporada) e Jadson André ficaram na terceira posição em suas respectivas baterias e terão que enfrentar a repescagem para tentarem continuarem vivos na competição.

Etapa durante pandemia

A competição em Newcastle marca o retorno do Circuito Mundial, que teve apenas uma etapa até agora da temporada 2021, a realizada em Pipeline, na Ilha de Oahu, no Havaí, no final de dezembro de 2020. A vitória naquela oportunidade ficou com o havaiano John John Florence, que superou o brasileiro Gabriel Medina na grande decisão.

Após uma longa parada causada pelo avanço da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o Circuito Mundial finalmente realiza sua segunda etapa, em território australiano e seguindo um rígido protocolo de segurança sanitário, que inclui uma quarentena obrigatória de 14 dias dos atletas no hotel.