Funcionários do metrô de BH decidem por paralisação de 24 horas na quinta-feira

Digiqole Ad

Funcionários do metrô de Belo Horizonte prometem cruzar os braços na próxima quinta-feira (20) e realizar uma paralisação de 24 horas dos serviços. A medida foi deliberada em votação nesta segunda-feira (17) conduzida pelo Sindicato dos Empregados em transportes Metroviários e Conexos de Minas Gerais (Sindmetro). A categoria pede uma data seja fixada para a vacinação dos funcionários.

“Será apenas um dia de vacinação. Se caso até lá a gente conseguir uma data apara a vacinação da categoria a paralisação vai ser suspensa. A categoria está trabalhando, initerruptamente, desde o início da pandemia e seque há uma data para a aplicação dessa vacina”, explicou o presidente do Sindmetro Romeu José Machado Neto.

De acordo com a entidade sindical, 14 % dos trabalhadores do metrô já foram infectados pela Covid-19 e quatro óbitos por conta da doença foram registrados entre os funcionários. O presidente do Sindmetro destaca que já enviou ofício para a o governo de Minas, a Prefeitura de Belo Horizonte, e para a presidência da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), mas não obteve resposta.

“Não tivemos resposta de nenhum desses. Só depois de ameaçarmos com um movimento de paralisação é que o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, convocou uma reunião para hoje, às 17h30. O que a gente quer é uma data, que não seja no final do ano, mas uma data para iniciar a vacinação. A gente tendo essa data, a gente consegue suspender o movimento”, pontuou o presidente do Sindmetro.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Leia também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida