Homem ‘misterioso’ devolve carteira com R$ 1,1 mil em BH e pedreiro se emociona

Dinheiro recuperado era fruto de trabalho de duas semanas do operário, que não pôde agradecer pessoalmente ao seu benfeitor
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Do desespero de perder o dinheiro conquistado em duas semanas de trabalho, ao alívio de recuperar o bem perdido. As duas sensações foram vivenciadas pelo pedreiro Stênio Rodrigues da Silva, de 42 anos. 
 
Morador de Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte, ele esteve na capital mineira no fim de semana para comprar um celular. Contudo, perdeu a carteira com todos os documentos e R$ 1.170. O desalento tomou conta e, já sem esperança, o trabalhador seguia para casa. Mas logo uma ligação mudou o desfecho da história.
 
O caso teve final feliz graças a um “desconhecido”, que recuperou a carteira e entregou para guardas municipais que estavam no Centro da cidade. Apressado para um compromisso, o homem não se identificou. Deixou a carteira com todos os pertences dentro e “sumiu”. “Não sei quem é e não pude agradecer pessoalmente. Mas peço que Deus abençoe essa pessoa grandemente”, declarou o pedreiro. 
 
“Estava triste e chateado pensando que tinha perdido tudo. Fiquei surpreso quando recebi a ligação informando que tinham encontrado a carteira. Pensei ‘pelo menos recuperei os documentos’. A emoção tomou conta quando descobri que todo o dinheiro também havia sido recuperado”, lembrou.
 
Stênio voltou para a casa sem o celular – ele desistiu de comprar -, mas com a carteira cheia. Do susto, tirou uma lição: “vou andar mais atento e vou abandonar as roupas largas. Não dá para perder dinheiro, né? Afinal, é uma luta para conquistar qualquer quantia”, declarou.
 
Responsável pela devolução da carteira, a Guarda Municipal de BH informou que o caso aconteceu no último sábado (15), por volta das 14 horas. Um homem abordou os agentes na rua Rio de Janeiro e informou ter localizado uma carteira caída na rua Santos Dumont, na esquina com rua São Paulo. Como não havia nenhum telefone para contato na carteira, ele a entregou aos guardas, alegando que estava atrasado para um compromisso.
 
Foi então que os agentes recolheram a carteira e deram início aos levantamentos para fazer contato com o proprietário. “Uma busca nas redes sociais permitiu que os agentes descobrissem o telefone do dono da carteira. Após receber uma ligação dos guardas municipais, ele compareceu ao local e recuperou a carteira com o dinheiro e todos os seus documentos”, informou a corporação.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

1
2
3
4
5
1
2
3
4
5
1
2
3
4
5

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida