MG: PF apreende eletrônicos de suspeitos de espalhar pornografia infantil na web

Digiqole Ad

Aparelhos eletrônicos de dois suspeitos que compartilhavam pornografia infantil na internet foram apreendidos nesta terça-feira (18) em uma operação da Polícia Federal em Minas Gerais. A ação, resultado de três meses de investigação, ocorreu em Belo Horizonte e em Congonhas, na região Central de Minas, no dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescente.
 
A PF informou que após identificar usuários da web que disseminavam arquivos com conteúdo de abuso sexual infantil, solicitou à Justiça Federal mandados de busca e apreensão. Duas ordens foram expedidas e cumpridas pelos agentes. Nesta primeira fase da operação, ninguém foi preso.
 
No entanto, diversos dispositivos eletrônicos, como computadores e celulares, foram recolhidos e vão passar por perícia. “As investigações prosseguirão a fim de se determinar toda a extensão das condutas delituosas”, explicou a PF.
 
Os suspeitos podem responder a crimes de disponibilizar, publicar ou divulgar fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente, que prevê pena de 3 a 6 anos de prisão, além de adquirir, possuir ou armazenar as imagens ilegais, que prevê reclusão de 1 a 4 anos.
 
OPERAÇÃO ARACELI

 
Uma outra ação deflagrada pela Polícia Civil, também nesta terça-feira, cumpriu 14 mandados de prisões contra homens investigados por estupro de vulnerável em Belo Horizonte, Itaúna e São Gonçalo do Pará, cidades da região Centro-Oeste de Minas.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Leia também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida