Capinópolis retomou programa de próteses dentárias para a população

Digiqole Ad
Equipe que protagoniza o sucesso do programa de saúde bucal em Capinópolis | Foto: Divulgação
Equipe que protagoniza o sucesso do programa de saúde bucal em Capinópolis | Foto: Divulgação

Capinópolis, Minas Gerais. Foi retomado o programa de confecção e distribuição de próteses dentárias em Capinópolis, devolvendo o sorriso à centenas de pessoas. O programa esteve ativo em 2019, no entanto, foi paralisado devido a pandemia de Covid-19.

A oferta de próteses dentárias é viabilizada por meio de parceria com o Ministério da Saúde. Capinópolis tem a capacidade de confecção e distribuição em torno de 50 próteses mensais. O paciente que apresentar necessidade, poderá receber a prótese superior e inferior.

O programa se estende a toda a população, entretanto, a prioridade para instalação das próteses dentárias seguem critérios. Pacientes que não tem dentes na arcada superior ou inferior, tem preferência de reabilitação.

As pessoas que já fazem tratamento dentário nas Unidades de PSF, automaticamente já são encaminhadas para o programa de confecção das próteses após análise do dentista que definirá a necessidade.

O senhor Severino Benedito de Oliveira durante pré-moldagem da prótese dentária | Foto: Divulgação
O senhor Severino Benedito de Oliveira durante pré-moldagem da prótese dentária | Foto: Divulgação

Até o mês de maio, 200 pessoas já tiveram a oportunidade de voltar a sorrir em Capinópolis. O sorriso devolve a alto estima, no entanto, não é o único benefício aos pacientes. A retomada da mastigação, que tem influência direta na digestão e a dicção para pronunciar palavras são grandes diferenciais.

Segundo Naia Fontoura, coordenadora de Saúde Bucal em Capinópolis, há uma demanda reprimida por prótese. “Há uma demanda reprimida muito grande pois só em 2019 conseguimos credenciar o município no Programa de Próteses do Ministério da Saúde, graças ao esforço do prefeito Cleidimar e Secretaria de Saúde”, disse a coordenadora, que ressaltou a importância das próteses para os pacientes.

“Além de devolver a autoestima a esses pacientes, reestabelecer a função fisiológica da mastigação, é fundamental para a qualidade de vida dessas pessoas”, destacou Naia Fontoura.

Naia Fontoura, coordenadora de Saúde Bucal em Capinópolis | Foto: Arquivo/Tudo Em Dia
Naia Fontoura, coordenadora de Saúde Bucal em Capinópolis | Foto: Arquivo/Tudo Em Dia

A unidade de referência para moldagem e instalação das próteses dentárias é o PSF Dr. Cássio Macedo, no Bairro Alvorada.

Brasil tem 11% da população sem nenhum dente

 Um apontamento da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), divulgada pelo IBGE em 2015, destacou que 11% da população brasileira não tem nenhum dente, o que corresponde a um montante de 16 milhões de pessoas. Entre as mulheres, essa porcentagem sobe para 13,3% e, entre os homens, cai para 8,4%. Das pessoas com 60 anos ou mais, 41,5% já perderam todos os dentes. E 22,8% dos brasileiros sem nenhuma instrução ou sem ensino fundamental concluído estão completamente desdentados Além disso, 23% dos brasileiros perderam 13 dentes ou mais, e 33% usam algum tipo de prótese dentária.

A pesquisa também mostra que o atendimento odontológico no país acontece majoritariamente na rede privada. Em Capinópolis, o programa de saúde bucal tem caminhado na contramão da pesquisa, com índices positivos que destacam o município na região.

Leia também:

Protocolo de urgências é implementado nos PSFs em Capinópolis

Central de Jornalismo

https://www.tudoemdia.com

Leia também

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida