PBH aguarda Coronavac para 2ª dose de profissionais de saúde entre 39 e 42 anos

Complemento da imunização para o grupo começaria neste sábado
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Prevista para começar neste sábado (22), a complementação da vacina contra a Covid-19 em profissionais da saúde entre 39 e 42 anos em Belo Horizonte não ocorreu e a prefeitura ainda faz levantamentos das doses disponíveis para aplicar a segunda dose da Coronavac no grupo prioritário.  De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA),  são necessárias cerca de 6.000 do imunizante para concluir o esquema vacinal.

 

“A  Secretaria Municipal de Saúde esclarece que após concluir a imunização dos idosos de 64 anos e trabalhadores de 49 a 43 anos, será avaliado o estoque e, sendo suficiente, será realizada a aplicação da segunda dose para este público”, diz a pasta sem prever uma nova data.

 

A prefeitura prefere não falar em atraso na imunização dos profissionais da saúde entre 39 e 42 anos porque “a aplicação da segunda dose para além dos 28 dias estipulados não prejudica a eficácia da vacina”.

 

Segundo dados da Prefeitura de Belo Horizonte atualizados nessa sexta-feira (21), 739 mil pessoas receberam a primeira dose da vacina, independente do fabricante. O complemento do imunizante foi aplicado em outras 356 mil pessoas.

 

 

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

1
2
3
4
5
1
2
3
4
5
1
2
3
4
5

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida