Panasonic encerra produção de TVs no Brasil e fará demissões em massa

Digiqole Ad
11210708497012
11210708497012reRErpdoREReprodução EmTempo

A marca japonesa Panasonic anunciou na última quarta-feira (11.ago.2021), que vai encerrar a produção e a venda de TVs no território brasileiro. A empresa é centenária, e atua no Brasil há mais de 40 anos, na Zona Franca de Manaus.

Segundo a empresa, a decisão considera a atual situação econômica que o país enfrenta.

Até dezembro, 130 funcionários serão demitidos, de um total de 2.400 colaboradores. Nenhuma fábrica será fechada, porém.

Segundo a Panasonic, o fim da produção e venda de TVs será consumado até o final do ano, mas “o consumidor não ficará sem assistência”. Trata-se, segundo a empresa, de uma decisão de estratégia global.

“Essa decisão criará uma oportunidade para as outras frentes de negócio nas quais a Panasonic continua a crescer”, diz a empresa, citando as unidades de negócio em máquinas de lavar, geladeiras, cuidados pessoais, baterias e soluções corporativas.

“A Panasonic acredita no potencial e no mercado brasileiro, e continuará investindo e fomentando novas linhas e novos produtos.”

A linha de televisores da empresa chegou a responder por 80% das vendas da marca em 2011. Atualmente, entretanto, essa participação caiu para 8%.

Sony e Canon

Outras fábricas instaladas na Zona Franca de Manaus, como a Sony e a Canon, também já haviam anunciado encerramento de atividades no Brasil.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Central de Jornalismo

https://www.tudoemdia.com

Leia também

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida