Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação
Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Uma carga de 630 kg de maconha foi apreendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta sexta-feira (23) em Patos de Minas, na região do Alto Paranaíba. A avaliação da corporação é de que a droga renderia mais de R$ 1,3 milhão aos traficantes.

Segundo a PRF, durante fiscalização de trânsito na a BR-365, os agentes avistaram, na altura do km 402, um caminhão M.B./M.benz L 1313, com placas do Paraná, estacionado devido a um problema mecânico. O veículo transportava fogões.

Magazine Brasil Líbano Dia dos Pais

Ao ser abordado, o caminhoneiro informou que precisou parar o veículo po causa do aumento da temperatura do motor. No entanto, ele teria ficado muito nervoso diante da presença dos policiais, o que levantou suspeitas.

Além disso, durante a entrevista, ele teria apresentado informações divergentes sobre a data de saída de Pato Branco (PR), o que levou os policiais a verificarem o carregamento de fogões que era transportado. 

CCAA Capinópolis

Ao abrirem o baú do caminhão, a equipe já sentiu um forte odor da droga e pediu apoio da equipe do canil da Polícia Militar (ROCCA), sendo confirmada a a presença de drogas pelo cão farejador.

O caminhoneiro informou aos policiais que, após já ter carregado os fogões, recebeu uma proposta para que levasse um carregamento de maconha de Cascavel (PR) até um posto de abastecimento em Escada (PE), onde uma pessoa faria a retirada da droga. Ele também informou que receberia R$ 5 mil para transportar os entorpecentes.

No baú do caminhão, os policiais localizaram 460 barras de maconha que pesaram 631 kg. Todo o material apreendido e o motorista preso foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Patos de Minas, que deve investigar o caso.

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis
Ouça o podcast do Tudo Em Dia:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui