Atlético Mineiro abre dez pontos na liderança do Brasileiro

O Atlético-MG superou o Grêmio por 2 a 1 nesta quarta-feira (3), em duelo atrasado da 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mais de 56 mil torcedores acompanharam o encontro no Mineirão, em Belo Horizonte, que teve 100% da ocupação liberada pela prime...
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Pedro Souza / Atlético
Foto: Pedro Souza / Atlético (FP)

O Atlético-MG superou o Grêmio por 2 a 1 nesta quarta-feira (3), em duelo atrasado da 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mais de 56 mil torcedores acompanharam o encontro no Mineirão, em Belo Horizonte, que teve 100% da ocupação liberada pela primeira vez desde o início da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

💪🏽⚪⚫ FIM DE JOGO! NO MINEIRÃO LOTADO, O ATLÉTICO VENCE O GRÊMIO, 2 A 1, E SEGUE CADA VEZ MAIS DISPARADO NO TOPO DA TABELA!

⚽️ @zarachomatiasf1 e Vargas marcaram para o Alvinegro.

⚔️ #TodoJogoÉDecisão #VamoGalo #CAMxGRE 🏴🏳️ pic.twitter.com/tCw41HO7ku

— Atlético 😷 (@Atletico) November 4, 2021

Líder da competição, o Galo foi a 62 pontos em 29 partidas, abrindo dez de vantagem para o Palmeiras (segundo colocado, também com 29 rodadas disputadas) e 12 para o Flamengo (terceiro, com dois jogos a menos). O Tricolor segue em situação difícil, na 19ª e penúltima posição, com 26 pontos, sete atrás do Bahia, primeiro time fora da zona de rebaixamento. Os gaúchos têm 28 duelos realizados, um a menos que os baianos.

Desesperado, o Grêmio se lançou ao ataque desde o começo. Miguel Borja ficou no quase três vezes nos primeiros dez minutos. O atacante balançou as redes aos dois, mas o lance foi invalidado pelo árbitro de vídeo (VAR), que detectou impedimento do colombiano. Aos nove, ele perdeu a chance frente a frente com o goleiro Everson. Na sequência, acertou o travessão. Se a fase tricolor é ruim, a do Atlético é exatamente o contrário. Aos 11 minutos, o meia Matías Zaracho recebeu do atacante Diego Costa e abriu o placar no Mineirão.

O duelo foi para o intervalo sem lances de maior perigo. Na volta para o segundo tempo, o Grêmio chegou, enfim, ao empate. Aos dez minutos, Borja rolou e Jaminton Campaz finalizou, deixando tudo igual. Quis o destino que, aos 26, o próprio meia tocasse a bola com o braço na área, em lance verificado pelo VAR, após cobrança de falta. O atacante Eduardo Vargas cobrou a penalidade e recolocou o Galo à frente. A partir daí, a equipe mineira controlou as ações e foi pouco ameaçada pelos gaúchos, cada vez mais próximos do rebaixamento.

Juntos! ⚔️ #TodoJogoÉDecisão pic.twitter.com/Qi9fB2YSBL

— Atlético 😷 (@Atletico) November 4, 2021

Os times têm clássicos pela frente no fim de semana, pela 30ª rodada do Brasileiro. No sábado (6), às 19h (horário de Brasília), o Grêmio visita o Internacional no Beira-Rio, em Porto Alegre. No domingo (7), o Atlético mede forças com o América-MG às 16h, novamente no Mineirão.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida