Museu de Arte Sacra de São Paulo traz presépios de papel machê

O Museu de Arte Sacra de São Paulo apresenta, até o dia 9 de janeiro de 2022, a exposição Nasceu o Menino – A Natividade em Papel Machê, da artista plástica Madalena Marques. São 13 conjuntos de presépios feitos de papel machê. A artista extraiu, pa...
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O Museu de Arte Sacra de São Paulo apresenta, até o dia 9 de janeiro de 2022, a exposição Nasceu o Menino – A Natividade em Papel Machê, da artista plástica Madalena Marques. São 13 conjuntos de presépios feitos de papel machê.

A artista extraiu, partir de pinturas de autores nacionais e internacionais, as cenas que foram reproduzidas tridimensionalmente de maneira fidedigna em papel machê para a exposição. Para que o público possa comparar, a instalação traz uma reprodução fotográfica de cada obra original.

Na técnica de papel machê, é preciso paciência. Os tempos de secagem são estudados, a estrutura dos corpos entre esqueletos e enchimentos é preparada, as vestes são produzidas a partir de técnicas como pintura, bordado, crochê, tricô e os cabelos são feitos em lã ou linha.

A artista Madalena destaca que escolher trabalhar com presépios em um ano atípico de pandemia fez com que ela experimentasse valores essenciais da vida, como a família e o amor que renasce a cada dia.

Com curadoria de Jeison Lopes Pereira e João Paulo Berto, a exposição está na Sala Mas/Metrô – Estação Tiradentes de terça a domingo, das 11 às 17h, até 9 de janeiro de 2022.

Exposição Nasceu o Menino – A Natividade em Papel Machê, da artista plástica Madalena Marques – Divulgação/Museu de Arte Sacra de São Paulo

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

1
2
3
4
5
1
2
3
4
5
1
2
3
4
5

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida