Flor de Minas: autor de homicídio é preso e menor apreendida pela PM

Digiqole Ad
PM encontrou as roupas dos autores queimadas aos fundos da residência | Foto: PMMG
PM encontrou as roupas dos autores queimadas aos fundos da residência | Foto: PMMG

Gurinhatã, Minas Gerais. A Polícia Militar (PM) prendeu um homem de 34 anos e apreendeu uma adolescente de 15 anos neste sábado (30.abr.22). O casal confessou que matou e carbonizou um homem de 29 anos durante a madrugada. O crime ocorreu em Flor de Minas, distrito de Gurinhatã.

O corpo do homem — que não teve o nome revelado pela PM— foi encontrado na parte da manhã, morto e parcialmente carbonizado. Os criminosos envolveram o corpo em um colchão e atearam fogo.

A Polícia Militar foi acionada, dando início aos primeiros rastreamentos. De forma rápida, os primeiros depoimentos foram colhidos, dando conta que um casal estava com a vítima durante a madrugada.

No momento em que os militares faziam o isolamento do corpo, testemunhas informaram que o casal suspeito estava em uma motocicleta saindo de Flor de Minas, já entrando na BR-365.

Corpo foi envolvido em um colchão e carbonizado pelos autores | Foto: PMMG
Corpo foi envolvido em um colchão e carbonizado pelos autores | Foto: Reprodução

De imediato, houve uma perseguição aos suspeitos, ocasião em que foram abordados já na MGC-461 em direção à cidade de Gurinhata-MG. Antes de serem abordados, o autor do crime jogou um aparelho celular no mato às margens da rodovia — o aparelho foi recuperado.

De volta ao distrito de Flor de Minas, o homem e a jovem de 15 anos entraram em várias contradições sobre o episódio de morte da vítima, entretanto, os policiais encontraram marcas de sangue na casa deles, além de um pedaço de madeira.

Em dado momento, ambos confessaram o crime de homicídio qualificado, os quais afirmaram que nesta madrugada, os três estavam numa casa localizada na Avenida Gaspar, 52, centro de Flor de Minas, quando por volta das 02h30, o autor saiu para buscar maconha.

A vítima, aproveitando a oportunidade de estar só com a adolescente, teria avançado sobre ela na tentativa de agarrá-la, expondo o órgão genital. A adolescente afirma que deu um empurrão no homem, o qual caiu e bateu com a cabeça no chão. Que então ela viu que o coração dele “deixou de bater”.

Quando o homem de 34 anos retornou, a adolescente lhe contou o ocorrido, tendo ele apanhado um pedaço de pau e desferido alguns golpes na cabeça da vítima. Após ver que este tinha morrido, enrolou o corpo em um colchão, andou cerca de 100m e o dispensou, colocando fogo no colchão. Em seguida voltou até sua residência.

Os militares encontraram as roupas dos autores queimadas aos fundos da residência.

A PM também apreendeu uma mistura — possivelmente, cocaína.

Reprodução | PMMG
Reprodução | PMMG

O casal recebeu voz de prisão/apreensão e serão encaminhados e apresentados na Depol de Ituiutaba para as providências cabíveis.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Central de Jornalismo

https://www.tudoemdia.com

Leia também

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida