Áudio: Brasil não fará operação de resgate na Ucrânia neste momento

O Itamaraty informou que não há como saber, com precisão, quantos brasileiros estão na Ucrânia, porque não há a obrigatoriedade de registro junto à embaixada ao chegar no país do leste europeu. A estimativa é de que cerca de 500 brasileiros estejam morando, atualmente, em território ucraniano.

O secretário de Comunicação e Cultura do Itamaraty, Leonardo Gorgulho, afirmou que não há condições, neste momento, de o Brasil ou qualquer outro país realizar operações de resgate na Ucrânia. Isso será feito, segundo ele, quando houver garantia de que esse resgate possa ser feito em segurança.

Enquanto isso, Leonardo Gorgulho orientou os brasileiros que estiverem em solo ucraniano a seguir uma série de recomendações de segurança.

Para os brasileiros que estiverem nas cidades próximas à fronteira da Ucrânia com a Rússia, a orientação é de que deixem a região, utilizando preferencialmente o transporte ferroviário.

Pelas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro ressaltou que o governo está totalmente empenhado no esforço de proteger e auxiliar os brasileiros que estão na Ucrânia.

Edição: Guilherme Strozi

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis