Em BH, manifestantes pedem saída de Ricardo Salles durante visita do ministro

Protesto ocorreu em frente à Fiemg, no lançamento de edital do programa Lixão Zero, que contou com a participação de Zema
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, foi recepcionado em Belo Horizonte por manifestantes que pediram a saída dele do cargo. Salles está na capital mineira nesta segunda-feira (17) para lançamento do edital de seleção de projetos do programa Lixão Zero, evento que reuniu várias autoridades e o governador Romeu Zema (Novo) na Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg).
 
Mas, do lado de fora, dezenas de pessoas gritavam palavras de ordem contra a atual política ambiental. “Deve ser demitido. É uma vergonha internacional para o Brasil. Fora Ricardo Salles”, esbravejaram os manifestantes, que também carregavam faixas contra o ministro. Um caixão simbolizando a “morte” do meio ambiente também foi colocado no local do protesto.
 
Integrante do coletivo Alvorada e participante do ato, Munish criticou o projeto de lei que cria novas regras para o licenciamento ambiental no país. Aprovado na Câmara dos Deputados na última quinta-feira (13), o texto, além de flexibilizar a lei de licenciamento, simplifica alguns processos e cria uma modalidade de autodeclaração.
 
“Essa flexibilização é para que os grileiros, garimpeiros ilegais e o agronegócio possam destruir o meio ambiente e a terra. Ele (Salles) é o ministro à favor de passar a boiada. Sales é o ministro contra o meio ambiente”, declarou o militante.
 
Representante do Coletivo Juntos, Vanessa Quadros também reprovou as ações de Salles e exigiu a saída dele da pasta. “Somos contra a atual política ambiental. Na verdade, não existe uma política ambiental neste governo. É uma vergonha internacional”, argumentou.
 
Outros movimentos sociais, como o dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), dos Atingidos por Barragens (MAB), do Greenpeace Brasil e do Luta pela Serra do Curral, também participaram do ato. 

Aproximadamente 50 pessoas estavam no local. Militares do Batalhão Rotam acompanharam o protesto mas, segundo a Polícia Militar, a manifestação foi pacífica.
 
Procurado pela reportagem de O Tempo, o Ministério do Meio Ambiente não havia se manifestado sobre o protesto até a publicação desta matéria. Já a Fiemg informou que cedeu o espaço para o evento, organizado e realizado pelo ministério.
 
Lixão Zero
 
Em BH, Ricardo Salles lançou o edital para seleção de projetos para a melhoria da gestão de resíduos sólidos em Minas, como parte do Lixão Zero. O programa, conforme o governo federal, tem o objetivo de subsidiar os estados e municípios na gestão dos resíduos sólidos urbanos, com foco na disposição final ambientalmente adequada.
 
“O Ministério do Meio Ambiente entrega, por meio do programa, um diagnóstico da situação atual dos Resíduos Sólidos Urbanos, a situação desejada e indicadores para avaliar a implementação dessa política pública. Para tanto, disponibiliza um Plano de Ação, com ações pragmáticas e concretas e uma Agenda de Atividades, que serão atualizados de acordo com a evolução do programa”, ressaltou a pasta.

Na capital mineira, Salles destacou que os resíduos sólidos e a falta de saneamento são a maior marca do subdesenvolvimento do Brasil. “Vivemos em um país onde 100 milhões de pessoas não têm coleta e tratamento de esgoto, 35 milhões de brasileiros não têm sequer água encanada em casa e mais de 3 mil municípios têm graves problemas de resíduos sólidos”. De acordo com o ministro, em Minas Gerais cerca de 400 municípios serão beneficiados.

Já o governador Zema ressaltou que os investimentos significam não só redução de danos ao meio ambiente, mas também mais saúde para a população. “Isso também movimenta a economia, gera empregos e vem complementar o R$ 1 bilhão do acordo, via Termo de Recuperação, com a Vale, que será investido nas cidades do Rio Paraopeba, que passarão a ser atendidas com tratamento de água, esgoto e resíduos adequados”, diz. 

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

1
2
3
4
5
1
2
3
4
5
1
2
3
4
5

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida