Remoção de caminhão na MG-030 complica trânsito em Nova Lima

Veículo carregado de combustível tombou na noite de quarta (22); rodovia foi liberada pelos Bombeiros por volta das 22h
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Motoristas enfrentaram um longo congestionamento na noite desta quinta-feira (23) na rodovia MG-030, no sentido entre Belo Horizonte e Nova Lima, devido a uma operação para a retirada de um caminhão carregado com mais de 20 mil litros de combustíveis, que tombou na noite anterior. 

De acordo com a companhia da Políticia Militar (PMMG) de Nova Lima, o trecho operou em sistema Pare/Siga até as 22h, quando a rodovia foi liberada pelo Corpo de Bombeiros. Por conta disso, com o horário de pico, a retenção foi grande, chegando a afetar o trânsito até na capital mineira. O TEMPO recebeu alguns registros que mostram longas filas de veículos no local.

Confira: 

A Prefeitura de Nova Lima publicou inicialmente em suas redes sociais que a previsão era de que o trânsito fosse normalizado após as 21h. Entretanto, uma atualização foi publicada afirmando que a operação “pare e siga” deveria continuar até as 22h, quando de fato a operação foi finalizada. 

“A ação é de responsabilidade do Corpo de Bombeiros, que esteve trabalhando durante todo o dia no local e avaliou que não poderia interromper o serviço até o término”, disse a página do município. 

Reflexos em BH

A BHTrans informou que a operação de remoção do caminhão chegou a atingir também o trânsito na avenida Raja Gabáglia, logo após a avenida Barão Homem de Melo, causando um grande volume de veículos na praça Marcelo Góes Menicucci até a MG-030. 

Confira o vídeo publicado pela empresa que administra o trânsito na capital às 21h10, ainda com reflexos no trânsito da região:

O acidente

O caminhão caiu em uma ribanceira na noite de quarta-feira (22), na altura do km 12 da MG-030, no bairro Vila Castelo, em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ninguém ficou ferido.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a carga chegou a vazar. Com isso, a pista precisou ser interditada. Foram identificados 13 mil litros de gasolina, 5.000 de álcool e outros 5.000 de diesel.

Atualizada às 22h14

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

1
2
3
4
5
1
2
3
4
5
1
2
3
4
5

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida