Saúde divulga lista de bairros com maior risco de infestação de Dengue

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Aedes13jan14

ITUIUTABA Foi concluído mais um Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti, LIRAa, e o resultado, mais uma vez, mostra um índice de alto risco, 10,7%, enquanto o preconizado pelo Ministério da Saúde e de apenas 1%.

“Os problemas são os mesmos, a população não faz sua parte e mesmo com nossos esforços é muito difícil controlar, já que o LIRAa mede a infestação dentro das residências, e nós, muitas vezes, não temos total acesso e enfrentamos alguns problemas, mas voltamos a pedir que façam sua parte e nos ajude a prevenir e combater o mosquito”, afirmou o coordenador da Vigilância Ambiental em Saúde, Antônio Carlos.

Neste ano alguns bairros apresentaram números preocupantes, como o caso do Setor Industrial Antônio Baduy que teve um índice de 100%, Bairro Mirim com 70%, e o Morada do Sol com 50%, o que deixa claro que a população não tem levado a prevenção da dengue a sério como deve ser levada. Sobre o resultado do levantamento é feito uma pesquisa por amostragem onde foram pesquisados um total de 1.711 imóveis.

Apesar de a dengue ser o carro chefe das mobilizações e dos trabalhos de combate e prevenção ao Aedes, é importante lembrar que agora outra doença provocada por este mosquito é a Febre do Chikungunya.

Os cuidados para evitar a dengue e a febre do chinkunguya são os mesmos, já que estamos lidando com um mesmo transmissor: Não deixar água parada em vasos de plantas, lavar periodicamente os bebedouros de animais, não deixar lixo nos quintais e em terrenos baldios, estar sempre atento as calhas para que as mesmas não virem criatórios, com gestos e ações que consomem pouco tempo do seu dia é possível evitar muitos problemas.

Para maiores informações a equipe da Vigilância Ambiental em Saúde – CCZ, está à disposição pelos telefones 0800-941-6500 ou (34) 3268-2398.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida