Moradores fecham a via Expressa em protesto por morte de mulher

Uma mulher de 33 anos morreu atropelada na via nesta manhã; moradores pedem segurança
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Moradores do parque São João em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, fecharam a via Expressa, na manhã desta quinta (22) em protesto por causa do atropelamento e morte de uma mulher nesta manhã. Eles pedem mais segurança no local. 

De acordo com a Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes de Contagem (Transcon) o atropelamento foi pouco antes da av. Helena de Vasconcelos Costa, no bairro Parque São João, no sentido Centro. A mulher tinha 33 anos e morreu na hora.

A via está interditada no sentido centro e os moradores colocam fogo em lixo. A Polícia Militar acompanha a ocorrência e o Corpo de Bombeiros é aguardado para apagar o incêndio.

No local o trânsito está lento desde o início da manhã por causa do atropelamento.

Acompanhe o trânsito pelo nosso canal 

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis

Bloqueador de Publicidade

Detectamos um bloqueador de publicidade no seu navegador. Por gentileza, apoie o jornalismo independente brasileiro

Refresh

error: A cópia do conteúdo do Tudo Em Dia é proibida