Tratamento de câncer é com viscum-vet

Conheça os presidentes que já governaram o Brasil

Central de Jornalismo

O Tudo Em Dia destaca a lista de presidentes que governaram o Brasil. Ao todo, a República Federativa do Brasil teve 39 presidentes.

O primeiro presidente da República Federativa do Brasil foi o Marechal Deodoro da Fonseca.

Primeira mulher a ser presidente do Brasil

Até os tempos atuais, a maioria dos presidentes foram homens; sobretudo, Dilma Vana Rousseff, foi a primeira mulher a comandar o maior país da América do Sul, sendo a 36ª e 37ª mandatária a ocupar o Palácio do Planalto.

- Continua após a publicidade -
PAULO BRAGA - CURSO INTELIGÊNCIA EMPREENDEDORA

Não passou faixa presidencial

O atual presidente da República Federativa do Brasil é Luiz Inácio Lula da Silva, eleito presidente pela 3ª vez. Sua última eleição ocorreu em 2022, em uma disputada eleição, marcada pelas fakenews.

O antigo mandatário, Jair Messias Bolsonaro, fugiu do país no dia 28 de dezembro de 2022, sob pretexto de não repassar a faixar presidencial a Lula. Para contornar o fato, uma alternativa foi encontrada — a faixa foi entregue por representantes do ‘Povo Brasileiro’.

- Continua após a publicidade -
Ad image

Conheça os presidentes que governaram o Brasil:

Galeria de presidentes do Brasil / Tudo Em Dia

PERÍODO E PARTIDO DOS PRESIDENTES QUE GOVERNARAM O BRASIL

PresidenteVice-presidentePartidoMandato
1º presidente do BrasilDeodoro da FonsecaFloriano PeixotoMilitar1889-1891
Floriano PeixotoMilitar1891-1894
Prudente de MoraisManuel VitorinoPartido Republicano Federal (PR)1894-1898
Campos SalesRosa e SilvaPartido Republicano Paulista (PRP)1898-1902
Rodrigues AlvesSilvio Brandão/ Affonso PennaPartido Republicano Paulista (PRP)1902-1906
Affonso PennaNilo PeçanhaPartido Republicano Mineiro1906-1909
Nilo PeçanhaPartido Republicano Fluminense (PRF)1909-1910
Hermes da FonsecaVenceslau BrazPartido Republicano Conservador (PRC)1910-1914
Venceslau BrazUrbano SantosPartido Republicano Mineiro (PRM)1914-1918
10ºDelfim MoreiraPartido Republicano Mineiro (PRM)1918-1919
11ºEpitácio PessoaDelfim Moreira/ Bueno de PaivaPartido Republicano Mineiro (PRM)1919-1922
12ºArtur BernardesEstácio CoimbraPRM1922-1926
13ºWashington LuísMelo VianaPartido Republicano Paulista (PRP)1926-1930
Júlio PrestesPRPNão assumiu
Augusto Fragoso/ Isaías de Noronha/ Mena BarretoMilitarRevolução
de 1930
14ºGetúlio VargasAliança Liberal (AL)1930-1945
15ºJosé Linhares1945-1946
16ºEurico Gaspar DutraNereu RamosPartido Social Democrático (PSD)1946-1951
17ºGetúlio VargasCafé FilhoPartido Trabalhista Brasileiro (PTB)1951-1954
18ºCafé FilhoPartido Social Progressista (PSP)1954-1955
19ºCarlos LuzPartido Social Democrático (PSD)1955-1955
20ºNereu RamosPSD1955-1956
21ºJuscelino KubitschekJoão GoulartPSD1956-1961
     
22ºJânio QuadrosJoão GoulartPartido Trabalhista Nacional (PTN)1961-1961
23ºRanieri MazzilliPSD1961-1961
24ºJoão GoulartPartido Trabalhista Brasileiro1961-1964
25ºRanieri MazzilliPSD1964-1964
26ºCastelo BrancoJosé Maria AlckminAliança Renovadora Nacional (ARENA)1964-1967
27ºCosta e SilvaPedro AleixoARENA1967-1969
Junta Governativa ProvisóriaMilitar1969-1969
28ºGarrastazu MédiciAugusto RademakerARENA1969-1974
29ºErnesto GeiselAdalberto dos SantosARENA1974-1979
30ºJoão FigueredoAureliano ChavesPartido Democrático Social (PDS)1979-1985
Tancredo NevesJosé SarneyPartido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB)Não assumiu
31ºJosé SarneyPMDB1985-1990
32ºFernando CollorItamar FrancoPartido da Reconstrução Nacional (PRN)1990-1992
33ºItamar FrancoPRN1992-01/01/1995
34ºFernando Henrique Cardoso (FHC)Marco MacielPartido da Social Democracia Brasileira (PSDB)01/01/1995-01/01/2003
35ºLuíz Inácio Lula da SilvaJosé AlencarPartido dos Trabalhadores (PT)01/01/2003-01/01/2011
36ºDilma Vana RousseffMichel TemerPartido dos trabalhadores PT01/01/2011-01/01/2019 (afastada em 12/05/2016 por impeachment)
37ºMichel Miguel Elias Temer Lulianão há vice presidente – Em caso de afastamento, assume o
presidente da Câmara
Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB)12/05/2016-01/01/2019
38ºJair Messias BolsonaroAmilton MourãoPartido Social Liberal – PSLTomou posse em: 01/01/2019
39ºLuíz Inácio Lula da SilvaGeraldo José Rodrigues Alckmin Filho trabalhadores PTTomou posse 15h29 em: 01/01/2023

OUÇA UM POUCO SOBRE CADA PRESIDENTE QUE GOVERNOU O BRASIL

Deodoro da Fonseca

Floriano Peixoto

Prudente de Morais

Campos Sales

Rodrigues Alves

Afonso Pena, morto no cargo, e Nilo Peçanha, o presidente mulato

7) Hermes da Fonseca, intervenção militar e urucubaca

Venceslau Brás, greve, gripe e guerra

Delfim Moreira, doente e breve, e Epitácio Pessoa, o começo do fim

Artur Bernardes, o país sob sítio

Washington Luís, a soberba precede a ruína

Getúlio Vargas, revolução e ditadura

Eurico Gaspar Dutra, getulista pero no mucho

Getúlio Vargas, ele está de volta

Café Filho, golpe na transição, e Juscelino Kubitschek, Brasília e dívidas

Jânio Quadros, a renúncia, e João Goulart, o golpe

Castelo Branco, as fundações da ditadura

Costa e Silva, o presidente do AI-5

Emílio Garrastazu Médici, crimes e milagres

Nesta época, um caso de um assassino em série chamou a atenção do Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba e Sudoeste Goiano. Há suspeitas de que os assassinatos foram promovidos pela ditadura de Médici em busca de guerrilheiros (Assista à produção feita pelo Tudo Em Dia)

Ernesto Geisel, tensão e distensão

João Figueiredo, o regime escreve seu fim

José Sarney, por ele ninguém esperava

Fernando Collor, voto direto e impeachment

Itamar Franco, hiperinflação e Plano Real

Fernando Henrique Cardoso, o primeiro reeleito

Luiz Inácio Lula da Silva (LULA), amor e ódio

Dilma Rousseff, queda econômica e política

Michel Temer

Leia os fragmentos que vão ajudar você a compreender o Brasil de 2014 à 2023

2014

dilma-1

2016

Dilma Vana Rousseff Foi afastada em 12/05/2016 após abertura de processo de impeachment na Câmara e no Senado brasileiro.

Por 61 votos a 20, o Senado condenou a petista por crime de responsabilidade pelas chamadas “pedaladas fiscais”, que são o atraso no repasse de recursos do Plano Safra a bancos públicos, e pela edição de decretos de créditos suplementares sem aval do Congresso. Foram 7 votos a mais do que o mínimo necessário -54 das 81 cadeiras do Senado.

O ex-presidente Fernando Collor —o primeiro chefe do Executivo a sofrer um processo de impeachment na América Latina—, se desfiliou ao PTB por ser contra o afastamento da presidente Dilma Rousseff. (Leia)

O impeachment da presidente Dilma Rousseff foi aceito e Michel Temer tomou posse como Presidente oficial em 01/09/2016 – Os direitos políticos de Dilma Rousseff foram preservados.

2017

No dia 17/05/2017 – Foi publicado a notícia de que Michel Temer foi gravado pelo dono da JBS, Joesley Batista, dando aval para comprar silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha; A crise brasileira tomou proporções desastrosas e a bolsa de São Paulo teve grandes perdas. (Leia)

O senador Aécio Neves, que concorreu à presidência contra Dilma Rousseff, foi gravado pelo dono da JBS, Joesley Batista, pedindo R$2 Milhões de supostas propinas. A irmã de Aécio, Andréa Neves, também foi presa (veja). Aécio foi afastado do mandato de senador (Veja), mas retomou o cargo após votação no Senado em 17/10/17 (veja).

25/10/2017 – Michel Temer teve a segunda denúncia recusada por 233 votos a favor da denúncia e 251 contra a denúncia. Seriam necessários 342 votos para que o Supremo Tribunal Federal fosse autorizado a analisar a acusação contra Temer e dois de seus ministros, Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral).

2018

05/04/2018 – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Lula) foi condenado a prisão e deveria ter se entregado à Polícia Federal até as 17h do dia 06/04/2018, mas não o fez, ficando recluso no Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo do Campo (SP). Lula foi condenado por Moro no caso do tríplex de Guarujá em julho de 2017. Em janeiro, os juízes do TRF-4 confirmaram a condenação e votaram por aumentar a pena do petista para 12 anos e um mês de prisão (veja). Lula é o 5º homem a ocupar a presidência da República preso. (veja quem foram os presidentes presos)

(leia tudo que foi publicado sobre o assunto)

ELEIÇÕES DE 2018

Veja tudo que o Tudo Em Dia publicou sobre as eleições 2018

07/2018 ─ As eleições presidenciais se aproximam e as ‘fake news’ ─ termo popularizado pelo presidente norte americano Donald Trump para se referir às notícias falsas ─ é uma das grandes preocupações. As notícias falsas tomam a pauta nas redes sociais como Facebook, WhatsApp, Twitter e outras.

O empresário Flávio Rocha (PRB), dono da Riachuelo, desistiu de ser candidato à Presidência. O anúncio de sua saída da corrida eleitoral deve ser formalizado no dia (13/07/18).

08/2018 — As eleições de 2018 tiveram início oficial no dia 16/08/18/; Veja os candidatos à presidente neste ano: Jair Bolsonaro (PSL); Marina Silva (Rede); Ciro Gomes (PDT); Geraldo Alckmin (PSDB); Fernando Haddad (PT); Alvaro Dias (Podemos); Cabo Daciolo (Patriota); Eymael (DC); Guilherme Boulos (PSOL); Henrique Meirelles (MDB); João Amoêdo(Novo); João Goulart Filho (PPL); Vera Lúcia (PSTU).

Preso em Curitiba-Pr., o ex-presidente Lula insiste na tese de ser candidato — a lei da ‘ficha limpa’, que foi sancionada por ele mesmo, o impede de ser candidato. Cabe ressaltar como fato histórico que, o atual presidente Michel Temer (MDB) e o senador Aécio Neves, ambos envolvidos em sérios crimes, não estão presos.

As redes sociais ocupam um papel central nas eleições, com possibilidade de reduzir a importância da propaganda no rádio e na Tv pela primeira vez em décadas.

A ex-presidente Dilma Rousseff —que sofreu impeachment em 2016 —, é candidata ao senado por Minas Gerais e seu arque rival, Aécio Neves, tenta uma vaga como deputado federal, também por Minas Gerais.

Facada

09/2018 – Candidato líder nas pesquisas de intenção de votos —Jair Messias Bolsonaro— é esfaqueado durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG). (Leia e assista ao vídeo)

Justiça não permite candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) —que está preso desde abril de 2018 em Curitiba (PR). Fernando Haddad (PT) é nomeado seu sucessor e dispara nas intenções de voto.

Beto Richa (PSDB), ex-governador do Paraná, é preso pelo Gaecoem Curitiba (Leia).

07/10/2018 – Após a apuração das urnas eleitorais, Jair Bolsonaro (PSL) disputará o segundo turno com Fernando Haddad (PT). (Veja a apuração).

Em Minas Gerais, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) —que liderou as pesquisas eleitorais para o Senado Federal até a última semana de campanha eleitoral—, ficou em quarto lugar. Dilma garantiu uma derrota marcante ao Partido dos Trabalhadores em Minas. Fernando Pimentel (PT) —atual governado de Minas Gerais e que tentava a reeleição— ficou em terceiro lugar.

– Bolsonaro diz que problemas com urnas impediram vitória no primeiro turno (veja).

09/10/2018 – Publicitário é suspenso de agência após atacar nordestinos por votação em Haddad. Clima de xenofobia toma conta das redes sociais (veja).

10/10/2018 – Ex-governador de GO, Marconi Perillo (PSDB), é preso pela PF na operação que apura pagamento de propina (veja).

18/10/2018 – Haddad acusa Bolsonaro de criar rede de fake news e diz que vai à Justiça.

O segundo turno das eleições será disputado no dia 28 de Outubro de 2018.

28/10/2018 — Jair Messias Bolsonaro (PSL) é eleito presidente da República Federativa do Brasil com 55,13% dos votos. O candidato do Partido dos Trabalhadores, Fernando Haddad, obteve 44,87% dos votos. Brancos somaram 2,14% e os votos nulos somaram 7,43%. 

Recortes de 2019

01/01/2019 — Jair Messias Bolsonaro (PSL) toma posse como presidente da República Federativa do Brasil e empossa 22 ministros. Veja quais são os ministros que iniciaram o governo Bolsonaro.

21/03/2019 — O ex-presidente Michel Temer (MDB) é preso pela operação Lava Jato.

21/03/2019 — Com prisão de Moreira Franco, RJ tem seu 5º ex-governador preso.

04/04/2019 — Ex-presidente Michel Temer vira réu pela quarta vez, agora pelo caso da reforma na casa da filhaCom prisão de Moreira Franco, RJ tem seu 5º ex-governador preso.

09/06/2019 — Conversas revelam colaboração proibida de Sérgio Moro com Dallagnol na Lava Jato, diz site.

25/06/2019 — Militar da comitiva de Bolsonaro é preso na Espanha com 39kg de cocaína.

01/07/2019 — Com um governo movido pelo caos, filho de Bolsonaro ataca GSI no caso do ‘aerococa’

02/09/2019 — Impatriótico, Bolsonaro aumenta importação de etanol dos EUA sem imposto

30/10/2019 — Bolsonaro ataca Tv Globo e ameaça não renovar a concessão da emissora

08/11/2019 — Condenados, Lula e Eduardo Azeredo deixam prisão

2020

23/01/2020 — Sob Bolsonaro, Brasil repete pior nota em ranking de percepção do combate à corrupção

26/02/2020 — Brasil confirma primeiro caso do novo coronavírus

14/03/2020 — Morre Gustavo Bebianno, braço-forte da campanha de Bolsonaro

23/04/2020 — Moro ameaça pedir demissão se Bolsonaro trocar comando da PF. Leitores locais acusam Tudo Em Dia de fake news, no entanto, fato iria se confirmar no dia seguinte.

24/04/2020 — Ministro da Justiça, Sérgio Moro, pede demissão

24/04/2020 — Moro exibe ao JN mensagens em que Bolsonaro cobra mudança na direção da PF

26/04/2020 — ‘E daí?’, diz Bolsonaro sobre indicação do amigo do filho para comandar Polícia Federal

30/04/2020 — Bolsonaro não entrega exame de Covid-19 à Justiça e jornal pede apuração

15/05/2020 — Hidroxicloroquina: Menos de um mês após assumir Ministério da Saúde, Nelson Teich pede demissão

07/05/2020— Bolsonaro vai com empresários ao STF para pedir retomada da economia

20/05/2020 — Jair Bolsonaro: ‘Quem for de direita toma cloroquina, de esquerda toma Tubaína’

20/05/2020 — Lula: ‘Ainda bem que natureza criou esse monstro do coronavírus’

25/05/2020 — Moro diz em entrevista que Bolsonaro não apoiou o combate à corrupção

01/06/2020 — João Doria: Bolsonaro passeia a cavalo, enquanto pandemia galopa

07/06/2020 — Olavo de Carvalho chama Bolsonaro de ‘inativo e covarde’ e diz que pode derrubar governo

08/08/2020 — JN adota tom incisivo para tratar 100 mil mortos pela Covid-19 no Brasil

28/08/2020 — Ex-candidato a presidente, pastor Everaldo é preso no RJ

31/08/2020 — BC diz que nota de R$ 200 será lançada quarta-feira (02.set)

11/12/2020 — Após ter processo arquivado, ex-presidente Lula publica documentário sobre Sérgio Moro

22/12/2020 — Marcelo Crivella, prefeito do Rio, é preso a 9 dias de terminar o mandato

2021

07/01/2021 — Bolsonaro chama Bonner de ‘sem vergonha’ e ‘canalha’, e ataca Mandetta

17/01/2021 — Enfermeira de São Paulo é primeira brasileira vacinada contra covid-19

27/01/2021 — Covid-19: OMS aponta presença da variante de Manaus em oito países

27/01/2021 — Bolsonaro apela para que caminhoneiros não façam greve

01/02/2021 — Rodrigo Pacheco é eleito presidente do Senado

01/02/2021 — Arthur Lira é eleito presidente da Câmara em 1º turno

01/02/2021 — Emocionado, Rodrigo Maia se despede da presidência da Câmara

03/02/2021 — Força-tarefa da Lava Jato no Paraná deixa de existir, informa MPF

19/02/2021 — Ford suspende demissões e mantém negociação com trabalhadores

21/02/2021 — 21/02: 1ª Constituição Republicana do Brasil completa 130 anos

08/03/2021 — Fachin anula condenações de Lula na Lava Jato

18/03/2021 — Congresso, a pedido de Bolsonaro, derruba veto e dá perdão de R$ 1,4 bi em dívidas de igrejas

18/03/2021 — Senador Major Olímpio morre aos 58 anos, de complicações da Covid-19

20/03/2021 — Morre o cantor gospel Irmão Lázaro, por complicações da Covid-19

20/03/2021 — Após criticar Bolsonaro, Ciro Gomes vira alvo da Polícia Federal

24/03/2021 — ÁudioPlay: Após usar ‘kit covid’, pacientes entram na fila de transplante de fígado, diz jornal

02/04/2021 — ÁudioPlay: Rodrigo Pacheco critica falta de comando no combate à pandemia

10/04/2021 — Editorial / Tudo Em Dia. Marcha do golpe de 1964 será reeditada em todo o Brasil. Ituiutaba apoia ação

17/04/2021 — Covid-19: Deputado estadual Luiz Humberto Carneiro morre aos 68 anos

04/05/2021 — CPI da Pandemia inicia hoje depoimentos ouvindo Mandetta e Teich

04/05/2021 — Pazuello diz que não pode ir à CPI da Pandemia nesta semana

13/05/2021 — CPI da Covid-19: Relator diz que Wajngarten mentiu e pede prisão do ex-secretário

19/05/2021 — Ministro do Meio Ambiente do governo Bolsonaro é alvo de busca e apreensão

20/06/2021 — País supera marca de 500 mil mortes por Covid-19

05/07/2021 — Gravações apontam Jair Bolsonaro como chefe das “rachadinhas” três oitivas devem ocorrer na CPI da Covid-19

16/8/2021 — Mourão está ‘no limite da tolerância’ com Bolsonaro, diz colunista

20/08/2021 — Após incitar população, PF faz buscas em endereços do cantor Sérgio Reis

27/10/2021 — Presidente vai ao STF contra quebra de sigilo de suas redes sociais

2022

25/01/2022 — Olavo de Carvalho, guru do bolsonarismo, morre ao 74 anos em decorrência da Covid-19

21/03/2022 — Deltan é condenado a indenizar Lula por caso do PowerPoint

25/03/2022 — Dez prefeitos já denunciaram esquema de pastores no MEC

13/04/2022 — Governo Bolsonaro: além de viagra, Exército aprovou a aquisição de 60 próteses penianas.

02/10/2022 — Lula e Bolsonaro disputarão o segundo turno em 30 de outubro

30/10/2022 — Lula (PT) é eleito presidente do Brasil pela 3ª vez com mais de 60 milhões de votos

30/10/2022 — EUA, Alemanha, França e UE reconhecem vitória de Lula contra Bolsonaro

10/11/2022 — Insanidade: ‘patriota do caminhão’ vira piada nas redes

10/11/2022— Relatório: Ministério da Defesa não encontrou fraude nas eleições de 2022

21/11/2022 — A vergonha alheia em níveis extraterrestres

25/12/2022 — Terrorista é preso no DF após tentativa de atentado

01/01/2023 — Representações do ‘Povo brasileiro’ entregaram faixa presidencial a Lula

2023

08/01/2023 — Urgente: bolsonaristas golpistas enfrentam polícia no DF e invadem Congresso, Planalto e STF

09/01/2023 — Mesmo após inúmeros estímulos, Bolsonaro diz que depredações e invasões fogem à regra da democracia

04/03/2023 — Bolsonaro tentou trazer ilegalmente ao Brasil joias avaliadas em R$ 16,5 milhões; youtuber mostra que eram propina

Em 2022

17 de fevereiro: PGR pede arquivamento do inquérito 4.878, que investiga o vazamento de investigação do ataque hacker ao TSE

2 de maio: Moraes pede à PF “relatório minucioso de análise de todo o material colhido a partir da determinação da quebra de sigilo telemático, preservado o sigilo das informações”

6 de maio: AGU interpõe agravo regimental cobrando de Moraes a apreciação do pedido de arquivamento da PGR

3 a 17 de junho: PF envia para Moraes relatórios com análise parcial dos dados encontrados na quebra telemática de Mauro Cid

21 de junho: PF pede quebra de sigilo bancário de Mauro Cid, Adriano Teperino e Osmar Crivelatti, das assessoras de Michelle Cintia Cortes e Giselle Carneiro, além de Rosemary Cardoso Cordeiro e Maria Graces de Moraes Braga. As duas receberam valores a pedido das assessoras de Michelle e por meio dos assessores

27 de junho: Moraes autoriza as quebras de sigilo pedidas pela PF em 21 de junho

1º a 22 de julho: PF envia novos relatórios de análise do material encontrado na nuvem de Mauro Cid

1 de agosto: PGR dá parecer favorável ao agravo da AGU e interpõe agravo regimental contra a decisão de Moraes que havia quebrado o sigilo de Mauro Cid e outros assessores de Jair e Michelle Bolsonaro.

8 de agosto: PF pede novas quebras de sigilo bancário: de Luis Marcos dos Reis, ajudante de ordens de Bolsonaro, e de Irinaldo Alencar Nascimento, João Norberto Ribeiro e Luiz Antônio Goncalves de Oliveira; e também a extensão das quebras de Cid e outros alvos do primeiro pedido para período de 2019 até agosto de 2022

9 de agosto: Moraes autoriza novas quebras e extensões de levantamentos de sigilo de assessores de Bolsonaro e Michelle

15 de agosto: PGR interpôs novo agravo regimental contra as decisões de Moraes

20 de setembro: PF envia novo relatório de análise do material coletado a partir das quebras de sigilo autorizadas por Moraes

26 de setembro: Folha revela a existência da investigação, das quebras de sigilo e das transações suspeitas investigadas pela PF a mando de Moraes

27 de setembro: Moraes ordena a abertura de um inquérito para investigar o vazamento da informação

5 de outubro: PF pede novas quebras de sigilo bancário de janeiro de 2018 até setembro de 2022: Naya Bittencourt, Zelia Barros, Cedro Libano Comércio de Madeiras, Vanderlei Cardoso de Barros; de Murilo Ziloti, entre janeiro de 2019 e setembro de 2022; e extensão das quebras de todos os alvos do 1º e 2º pedidos para período de 9 de agosto a 30 de setembro de 2022

7 de outubro: Moraes encaminha, pela primeira vez, pedido para apreciação da PGR

17 de outubro: PGR pede arquivamento da investigação e anulação de todas as provas colhidas pela PF. Moraes autoriza novas quebras e sequer cita Procuradoria em sua decisão

2 de dezembro: PF pede quebra de sigilo telemático do assessor Luis Marcos dos Reis, de Mauro Cid e outros alvos.

16 de dezembro: Moraes autoriza novas quebras de sigilo

19 de dezembro: PGR interpôs novo agravo regimental contra a decisão de Moraes. PF envia novo relatório de análise do material proveniente das quebras de sigilo de Mauro Cid. Pela primeira vez aparecem as suspeitas de fraude no cartão de vacinação

Em 2023

19 de janeiro: PF pede nova quebra de sigilo telemático de Mauro Cid e também de Gabriela Cid e Ailton Gonçalves Moraes Barros

26 de janeiro: Moraes autoriza as novas quebras de sigilo

2 de fevereiro: PGR pela primeira vez não interpôs agravo e diz ter tomado ciência da decisão de Moraes

23 de fevereiro: PF encaminha a Moraes notícia de fato da Controladoria-Geral da União sobre possível fraude em inserção de dados no sistema de vacinação do Ministério da Saúde

26 de fevereiro: Moraes decide que caso da vacina tem relação com investigação em andamento que faz devassa em dados de Mauro Cid e outros assessores

6 de abril: PF pede para Moraes compartilhar áudios em que Ailton Gonçalves Moraes Barros e outros militares falam de possível golpe de Estado com o inquérito dos ataques de 8 de janeiro

18 de abril: PF pede busca contra Bolsonaro, Michelle e outros e prisão de Mauro Cid e outros assessores.

20 de abril: Moraes autoriza compartilhamento dos áudios de Ailton com o inquérito 4.923, dos atos de 8 e janeiro

21 de abril: Posição da PGR muda completamente sob governo Lula. Antes, afirmava que material era ilegal e deveria ser anulado, agora concorda com buscas e prisões solicitadas com base nas informações. Se manifesta contra somente nos pedidos contra buscas em Jair Bolsonaro e Michelle

28 de abril: Moraes autoriza as prisões e buscas. Somente Michelle fica de fora

20 de maio: Bolsonaro dá entrevista e diz que 08 de janeiro foi um ‘ataque às instituições democráticas’

24/06/2023: Lula faz discurso histórico na cúpula em Paris

Tv Tudo Em Dia


Compartilhe este artigo
5 comentários