Uberlândia: suspeito de tráfico de drogas é preso com 225 barras de maconha

Caso foi registrado em um conjunto de chácaras na cidade nesta sexta-feira (16). Também foram apreendido balança eletrônica de grande porte, arma de fogo e munições

Droga estava dentro de um cômodo da chácara — Foto: Polícia Militar/Divulgação
Droga estava dentro de um cômodo da chácara — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Um homem, sem idade informada, foi preso nesta sexta-feira (16) suspeito de tráfico de drogas em Uberlândia. A prisão ocorreu em um conjunto de chácaras do município, após uma denúncia anônima.

A informação repassada à Polícia Militar (PM) era de que em uma das casas de responsabilidade do homem havia uma grande quantidade de droga armazenada. No local da denúncia foram encontrados 225 tabletes de maconha.

Denúncia
A denúncia era que nas Chácaras Boa Vista haviam duas casas onde estavam guardadas uma grande quantidades de drogas. Porém, os imóveis não foram exatamente indicados, mas as informações repassada à PM apontavam que o homem preso era o responsável pelos locais.

Após receber as informações, a polícia foi até o local e durante monitoramento visualizou o suspeito alimentando um cão da chácara ao lado de onde ele provavelmente morava.

Os militares foram de encontro ao homem que, junto com a esposa, informou que a chácara ao lado é de responsabilidade do sobrinho deles. Os militares informaram sobre a denúncia e perguntaram se na chácara citada tinha drogas armazenadas. O homem respondeu que sim e que já havia aconselhado o sobrinho a parar com o tráfico.

Ele disse ainda que era apenas o responsável por cuidar do cão e vigiar o local, já que na chácara do sobrinho não há nenhum morador.

Material encontrado
Os militares foram até a chácara onde estavam as drogas e localizaram em um único cômodo vários sacos com 225 barras de maconha, uma balança eletrônica de grande porte, uma arma de fogo e munições.

Em consulta realizada pela polícia foi constatada que a arma foi roubada na cidade de Araguari, em outubro de 2021.

No local foram recolhidos documentos em nome do proprietário da chácara e um dos papéis indicava o endereço de residência dele em Araguari.

Com apoio da PM de Araguari, o suspeito foi localizado. Porém, relatou que de fato é parente do homem que disse vigiar a chácara, mas que não possui vínculo com a propriedade.

A PM, então, retornou ao local e prendeu o homem responsável pelas chácaras por envolvimento com o tráfico de drogas. Todo material foi apreendido e a ocorrência finalizada na delegacia de Polícia Civil Uberlândia.

Veja também:

Apoio:

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis